Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

União do Vegetal: há 60 anos um marco de progresso e equilíbrio para a humanidade

Tendo como símbolo, em seu sacramento, a Luz, a Paz e o Amor, a União do Vegetal é uma religião com fundamento cristão e crença na reencarnação, contando, atualmente, com mais de 22 mil associados, existente em 11 países.

_________________Publicidade_________________


“Há exatos 60 anos, no dia 22 de julho de 1961, em meio à Floresta Amazônica, na fronteira entre dois países, o Brasil e a Bolívia, se originou a União do Vegetal, sendo o resultado do pensamento de um seringueiro, denominado José Gabriel da Costa, que tinha como um de seus objetivos auxiliar o desenvolvimento espiritual de seus discípulos por meio do uso do Chá Hoasca, feito de duas plantas amazônicas: o cipó Mariri e as folhas de Chacrona.


Na continuidade dos trabalhos, José Gabriel da Costa, conhecido como Mestre Gabriel, desenvolveu atividades religiosas distribuindo este chá, inicialmente para sua família: a esposa Raimunda Ferreira da Costa (Mestre Pequenina) e seus filhos; bem como para alguns seringueiros e, posteriormente, para outras pessoas na cidade de Porto Velho (RO), onde foi residir com a família, em 1965. No ano de 1971, a UDV se organiza no Centro Espírita Beneficente União do Vegetal. Atualmente a sede Geral da instituição é em Brasília-DF.


Tendo como símbolo, em seu sacramento, a Luz, a Paz e o Amor, a União do Vegetal é uma religião com fundamento cristão e crença na reencarnação, contando, atualmente, com mais de 22 mil associados, existente em 11 países. Desenvolve também trabalhos de apoio à sociedade por meio de diversos Departamentos alocados em sua Diretoria Geral, que trata do aspecto material do Centro. Apoia ainda a preservação do meio ambiente por intermédio da Associação Novo Encanto de Desenvolvimento Ecológico, entidade parceira da UDV.


A União do Vegetal vem, ao longo dos anos, sendo reconhecida pelas autoridades, portando o título de utilidade pública federal pelos serviços de beneficência prestados à sociedade em geral, numa demonstração clara de que os ensinos de Mestre Gabriel auxiliam os seus discípulos a se conduzirem no caminho do bem.
Ao inteirar 60 anos, a União do Vegetal traz em sua trajetória a presença deste Guia Espiritual, Mestre Gabriel, dos Mestres da Origem desta Sagrada Obra e de todas as pessoas que trabalham para que a UDV continue sendo um marco de progresso e equilíbrio para a humanidade”.


No Acre, a União do Vegetal também se faz presente, através de diversos Núcleos e Distribuições Autorizadas de Vegetal em vários municípios, sendo que o primeiro criado no estado foi o Núcleo João Lango Moura. Já em Cruzeiro do Sul, a primeira Unidade criada na cidade foi o Núcleo Cruzeiro do Sul, sendo que á partir daí, a instituição se expandiu para praticamente todo o Vale do Juruá.


Cada Região da UDV conta com um Mestre Central, um Representante ou Responsável em cada Unidade juntamente com um quadro de Mestres, Corpo do Conselho, Quadro Instrutivo e sócios em geral composto por homens e mulheres maiores de 18 anos.
Atualmente, José Carlos Garcia é o Mestre Geral Representante do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal.

Por José Carlos Garcia

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas