Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

TCE decreta home office para servidores após aumento de casos de covid-19 e gripe no AC

_________________Publicidade_________________

Com o novo pico da pandemia do coronavírus no Acre e o surgimento de novos casos de influenza que preocupam os trabalhadores da Saúde, o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Ronald Polanco Ribeiro, decidiu decretar home office para todos os servidores do órgão.

Os atendimento prestados acontecerão, preferencialmente, por meio eletrônico ou telefônico, no período de 13 a 31 de janeiro. Também estão suspensos os eventos presenciais marcados.

“Facultar aos membros, servidores e colaboradores lotados no âmbito deste Tribunal de Contas, a adoção do regime de home office, no período de 13 a 31 de janeiro do corrente ano”, diz um trecho.

O presidente recomenda que todo o servidor que retornar de viagens interestaduais e internacionais, desde que comprove o referido deslocamento, deverá comunicar ao setor competente e permanecer em isolamento domiciliar por 10 (dez) dias, mesmo que não apresente qualquer sintoma relacionado a covid.

Os que estiverem com febre, tosse, coriza/corrimento nasal, congestão nasal, dificuldade para respirar, dor de garganta e/ou mal estar em geral, permaneçam em suas casas até restabelecimento de sua saúde, com o trabalho remoto, devendo apenas comunicara os seus chefes imediatos para que os últimos comuniquem à Divisão de Recursos Humanos, não havendo a necessidade de atestado médico.

Todo o órgão será sanitizado após a saída dos trabalhadores.

Via-Contilnet

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas