Dados de 500 milhões de usuários do LinkedIn estão à venda em um site de hackers

Poucos dias depois do vazamento de dados de usuários do Facebook, rede social profissional da Microsoft sofre ataque de hackers