Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Suspeito de matar comerciante de 80 anos em Xapuri é preso pela polícia

Polícia Civil acredita que suspeito entrou para roubar, mas vítima pode ter reagido ou o reconhecido e por isso foi morta. Raimundo Olimpio Bezerra, de 80 anos, foi achado morto dentro do próprio estabelecimento no último dia 6.

_________________Publicidade_________________

A Polícia Civil prendeu, nessa sexta-feira (20), um homem investigado pela morte do comerciante Raimundo Olimpio Bezerra, de 80 anos, achado morto dentro do próprio estabelecimento no último dia 6, no Centro de Xapuri, interior do Acre. A prisão ocorreu no bairro Laranjal, na casa do suspeito.

Segundo a Polícia Civil, o homem tem 23 anos e já possui passagens pela polícia por roubo em outras cidades acreanas. A morte do comerciante, inclusive, teria ocorrido durante um roubo no estabelecimento.

Essa é a principal linha de investigação para o crime, um latrocínio. Ao G1, o delegado responsável pelo caso, Gustavo Neves, explicou que o rapaz não confessou o crime, mas a polícia o investigava desde o dia em que o comerciante foi morto.

Raimundo Bezerra pode ter reagido ao assalto ou reconhecido suspeito na hora do crime  — Foto: Arquivo pessoal

Raimundo Bezerra pode ter reagido ao assalto ou reconhecido suspeito na hora do crime — Foto: Arquivo pessoal

“Trabalhamos com a hipótese de latrocínio, mas ainda não achamos nada do seu Raimundo com ele. Porém, temos outros elementos que apontam para ele, mas não posso falar. A polícia vinha investigando desde a morte e recebemos informações que apontam para ele [suspeito]. Estamos em busca de outras fontes de provas”, contou.

Raimundo Bezerra foi achado caído dentro do estabelecimento com um ferimento na cabeça. Ele estava sozinho na hora do crime. O delegado falou que falta esclarecer ainda se o comerciante reagiu ao assalto ou foi morto porque reconheceu o criminoso.

“Normalmente, quando a pessoa entra para roubar é para roubar, não para matar. Acreditamos que a vítima pode ter reagido ou reconheceu. Acreditamos que ele atuou sozinho”, concluiu.

Por G1 AC

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas