3 de julho de 2022   |   16:30  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Superlua poderá ser vista em todo o Brasil nesta terça-feira

Em geral, o fenômeno ocorre de duas a três vezes por ano.

_________________Publicidade_________________

Foto: Ilustração

Na noite desta terça-feira (14), será possível observar o fenômeno conhecido como Superlua. Ele acontece quando a Lua Cheia ou a Lua Nova coincidem com o momento em que o astro está mais próximo da Terra, chamado de perigeu. Quando isso acontece, a Lua pode parecer maior e mais brilhante.

O astrônomo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Daniel Mello explica que o tamanho do astro não se altera, apenas a percepção do tamanho ao olhar humano. Em geral, o fenômeno ocorre de duas a três vezes por ano. Em 2022, segundo o pesquisador, será possível ver a Superlua tanto em junho, quanto em julho, e a próxima ocorrência será apenas em 2023.

“Como a Lua está mais próxima da Terra, ela realmente fica mais brilhante do que as outras luas cheias, mas a questão é que, na hora de observar, fica complicado de comparar com as outras luas cheias que a pessoa já viu. Mas se você conseguir comparar por meio de fotos, é possível perceber a diferença com mais facilidade. Trata-se de um aumento de cerca de 11% no tamanho”, afirma o astrônomo e coordenador no Observatório do Valongo da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

A dica do astrônomo é observar o fenômeno por volta das 18h, (Brasília) quando a Lua começa a aparecer.

“O evento é visível em todo Brasil, começa por volta das 18h e vai até 6h do dia 15. São praticamente 12 horas de observação. A meu ver, o melhor momento para observar é quando ela está surgindo. Se olhar para Leste por volta das 18h, vai ver ela bem baixa no horizonte, ganhando uma visão de que é muito maior do que ela é”, afirma o pesquisador.

Com Informações CNN

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS

AS ÚLTIMAS

top 10 mais lidas