Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Secretário de Obras é detido em operação da Polícia Federal em Porto Walter e conduzido a Cruzeiro do Sul

_________________Publicidade_________________

Na manhã desta sexta-feira, 11, o vereador eleito e secretário de obras do município de Porto Walter, José Maria Branco, foi levado preso pela Polícia Federal em um barco até Cruzeiro onde será ouvido na sede da PF. Na gestão municipal anterior, Branco era responsável pelo setor de limpeza pública da prefeitura. O deslocamento de Porto Walter a Cruzeiro leva cerca de 6 horas.

A Polícia Federal chegou ao município na manhã desta quinta-feira, 10. Branco foi encontrado pela PF à tarde na fazenda do ex-prefeito do município, Zezinho Barbary, e passou a noite na Delegacia de Polícia Civil, que deu apoio logístico à PF, bem como à Polícia Militar.

José Maria, que é compadre Barbary, está morando na fazenda do ex-prefeito. A Polícia Federal também esteve na casa de alguns empreiteiros que prestaram serviços na gestão de Zezinho.

A assessoria de comunicação da prefeitura de Porto Walter explica que a Operação da Polícia Federal não é sobre a atual gestão e que a PF não esteve na prefeitura e em nenhum outro órgão público.

Na delegacia da PF em Cruzeiro do Sul, a informação é que os dados relativos à investigação e o motivo da prisão só serão divulgados após a chegada da equipe com o secretário.

Por Sandra Assunção

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas