Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Secretaria de Educação abre processo administrativo contra empresa que não pagou vigias no Juruá

_________________Publicidade_________________

A equipe do Sistema Juruá de Comunicação tem feito contato constantemente tanto no Núcleo da Coordenação de Educação do Estado em Cruzeiro do Sul, quanto com a Secretaria de Estado de Educação mesmo em rio Branco, em relação ao grupo de 40 vigias que trabalhavam em vários setores da educação na região de Cruzeiro do Sul , Porto Walter e Marechal Thaumaturgo, que inclusive foram demitidos e que já estavam há seis meses sem receber seus salários, alguns até as férias que não receberam.

Na tarde da última terça feira (08), foi enviado por telefone para a equipe, uma nota da assessoria de comunicação da secretaria de educação do Estado, sobre essa situação especificamente dos vigias. De acordo com a nota, a Empresa J.O Nascimento já encerrou contrato com o Governo do Estado por meio da secretaria de educação e alega que a secretaria de educação já abriu um processo administrativo contra essa empresa, para que a mesma possa enviar todos os dados bancários desses trabalhadores que foram demitidos e não receberam salários, para que o estado possa por meio de uma liminar na justiça, fazer o pagamento diretamente na conta desses trabalhadores.

Ainda de acordo com a nota enviada pela secretaria de Educação, a equipe da secretaria em Rio Branco já fez várias reuniões com os representantes das empresas. Entretanto, a empresa não assinou esse termo com a secretaria, alegando que o estado não tinha repassado os valores.

A equipe ainda afirma que quando o Estado descobriu que a empresa não estava pagando o salários dos servidores, foi observado que o contrato com a empresa venceu no mês de abril e quando foram renovar o contrato, foi visto que a empresa já estava há alguns meses que recebia o pagamento feito pelo estado e não pagava os vigias.

Com isso de acordo com a nota ainda não há uma data definida de quando os vigias poderão receber os seus salários.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas