Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Saúde Itinerante realiza mais de 700 atendimentos em comunidade isolada do Juruá

_________________Publicidade_________________

SECOM

As regiões mais longínquas do Acre também são vistas como prioridade pela gestão do governador Gladson Cameli. Como é o caso da comunidade Liberdade, distante 80 km de Cruzeiro do Sul, que recebeu mais uma edição do programa Ação Humanitária Itinerante , por meio de várias pastas, entre elas a Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre). A iniciativa foi possível graças à parceria do Estado com o município de Tarauacá.

Moradores da Floresta Estadual do Rio Liberdade, em Tarauacá, são atendidos por profissionais do Saúde Itinerante, programa que fez parte de mais uma edição do Ação Humanitária Itinerante, do governo do Estado Foto: Marcos Santos/Secom

Ao todo, 54 profissionais de saúde realizaram mais de 700 atendimentos nas áreas de pediatria, ginecologia, odontologia, medicina da família, além da realização de exames laboratoriais, ultrassonografias e testes rápidos para patologias da sífilis, as hepatites e HIV.

Comunidade da Floresta do Rio Liberdade foi contemplada com serviços jurídicos, sociais e de saúde, neste final de semana Foto: Marcos Santos/Secom

O agricultor Cleomilton Rocha de Oliveira se fez presente no Saúde Itinerante e disse que o governo viu a melhor forma de levar  ajuda para quem vive em região isolada. “O agricultor e seus familiares são carentes e dificilmente têm acesso a tantos atendimentos em saúde como vejo hoje, aqui. Acredito que dessa forma o governador mostrou o seu carinho por cada um de nós”, agradeceu.

Médico do programa Saúde na Comunidade atende moradora da comunidade do Rio Liberdade Foto: Marcos Santos/Secom

A coordenadora regional da Sesacre, Catiana Rodrigues, esteve acompanhando a ação e se diz realizada ao ver a grande procura por assistência médica.

“É uma ação de grande importância para essa comunidade. Assim, vamos contribuindo e fazendo com que os nossos serviços cheguem até a população”, afirmou.

Profissional médica em atendimento na comunidade da Floresta do Rio Liberdade, na zona rural de Tarauacá Foto: Marcos Santos/Secom

Para o vice-prefeito de Tarauacá, Raimundo Maranguape de Brito, a parceria só traz benefícios à comunidade. “Ninguém faz nada sozinho, nem o governo e nem a prefeitura. Por isso, Tarauacá agradece ao Gladson pela mão amiga”, relatou.

Moradores do Rio Liberdade são atendidos no Ação Humanitária Itinerante, que também levou ações em saúde Foto: Marcos Santos/Secom

Adriana Lobão, que é secretária-adjunta da Assistência à Saúde, afirma que a iniciativa chega aos que mais necessitam. “Nós ficamos maravilhados como o que vimos hoje. A população participando, tudo bem encaminhado, a nossa equipe por completa empolgada, atuante. Temos outros Itinerantes agendados dentro de uma programação anual para chegar aos acreanos que mais precisam”.

Técnicos de laboratório e biomédicos trabalham na análise de exames Foto: Marcos Santos/Secom

Também estiveram apoiando a iniciativa o chefe do Departamento de Vigilância em Saúde, José Grabriel Mesquita; a assessora da Diretoria de Redes à Pessoa com Deficiência, Domisy Vieira; a diretora de Rede de Atenção à Saúde, Jocelene Soares; a chefe do Departamento de Atenção Primária à Saúde, Erica Fabíola Farias; e outros membros da secretaria.

A equipe ainda cumpriu agenda em Feijó, onde conversou e parabenizou a equipe médica que esteve no Hospital Geral do município realizando, neste  fim semana, 11 cirurgias eletivas.

Lideranças locais, gestores do estado e autoridades municipais posam para a foto em mais uma edição do Ação Humanitária Itinerante, em Tarauacá Foto: Marcos Santos/Secom

Sobre o Saúde Itinerante

O grande objetivo do programa é levar, in loco, assistência médica especializada, como informa Rosimery Vânia Ruis, coordenadora do Saúde Itinerante Especializado.

Em todo o Acre, já foram realizadas 16 edições do Saúde Itinerante, sendo esta a 4⁰ edição que chega aos povos que residem nas florestas.

Profissional de Saúde verifica a temperatura de moradores que compareceram ao Ação Humanitária Itinerante Foto: Marcos Santos/Secom

O Ação Humanitária Itinerante também conta com a participação das prefeituras e da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Políticas Indígenas (Semapi), da Secretaria Estadual de Assistência Social e dos Direitos Humanos e de Políticas Públicas para as Mulheres (SEASDHM) e Tribunal de Justiça do Estado do Acre. Visualizações: 16

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas