7 de agosto de 2022   |   14:09  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Saúde cria grupo para investigar aumento de casos de SRAG em crianças

O grupo de trabalho, coordenado pela secretária Paula Mariano, ficará encarregado de estudar a origem dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em crianças; acompanhar a evolução dos casos e propor ao comitê a tomada de decisões relativas ao enfrentamento da doença.

_________________Publicidade_________________

Foto: Divulgação 

Com o aumento de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em crianças, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesacre) criou um Grupo de Trabalho para o acompanhamento especial da situação.

A autarquia levou em consideração o monitoramento mensal realizado pelo Núcleo Hospitalar de Epidemiologia da Secretaria de Estado de Saúde, que observou que durante os meses de abril e maio deste ano, a maioria dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) foi de crianças e, ainda, o Boletim InfoGripe, da Fiocruz, que concluiu que os casos em crianças de zero a quatro anos se mantém em patamar elevado.

O grupo de trabalho, coordenado pela secretária Paula Mariano, ficará encarregado de estudar a origem dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em crianças; acompanhar a evolução dos casos e propor ao comitê a tomada de decisões relativas ao enfrentamento da doença.

Além disso, os casos omissos serão discutidos e deliberados no âmbito do Grupo de Trabalho.

Com informações Contilnet.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS