22 de maio de 2022   |   12:17  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Rússia anuncia cessar-fogo temporário em usina siderúrgica de Mariupol

Trégua tem como objetivo auxiliar a evacuação de civis e soldados que estão no local

_________________Publicidade_________________

O governo da Rússia anunciou um cessar-fogo temporário na usina siderúrgica Azovstal, localizada em Mariupol, para a evacuação de civis. Segundo informado, a trégua teve início às 14h (8h no horário de Brasília) e todos os soldados irão “interromper as hostilidades unilateralmente”, além de reposicionar as forças para uma distância segura, garantindo a saída dos ucranianos.

“A partir das 14:00 (horário de Moscou) em 25 de abril de 2022 as Forças Armadas cessam unilateralmente qualquer hostilidade para garantir a retirada dos civis em quaisquer direções escolhidas por eles. A prontidão real do lado ucraniano para iniciar uma operação humanitária é indicada pelo hasteamento de bandeiras brancas ao longo de todo o perímetro ou em certas áreas de Azovstal”, escreveu o Ministério da Defesa.

Com uma ampla rede de túneis e abrigos subterrâneos, o complexo siderúrgico tornou-se o último e principal ponto de resistência ucraniana em Mariupol, ocupada pelo exército russo na semana passada. Além de civis, o local também abriga soldados que seguem sem alimento, água e munição. 

Em 21 de abril, quando foi declarada vitória sobre a cidade portuária, o presidente russo Vladimir Putin considerou inapropriado invadir a zona industrial e ordenou que o ministro da Defesa, Sergei Shoigu, cancelasse os ataques. Um dia depois, a pasta anunciou a normalização da situação em Mariupol e o bloqueio de militantes em Azovstal. Desde então, o governo ucraniano e líderes internacionais vinham pedindo uma trégua para o resgate dos cidadãos.

Por SBT News

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS