Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Queda de teleférico deixa ao menos 14 mortos na Itália

_________________Publicidade_________________

Duas crianças foram levadas a um hospital, uma delas não resistiu. Acidente foi em monte com vista para o Lago Maggiore, famoso ponto turístico do país.

Um teleférico caiu e deixou ao menos 14 mortos na Itália neste domingo (23), informaram autoridades do país. Duas crianças ficaram feridas. O acidente ocorreu perto do pico do Monte Marone, que dá vista para o Lago Maggiore, famoso ponto turístico no noroeste italiano.

Segundo a rede britânica BBC, as duas crianças, de 5 e 9 anos, gravemente feridas, foram levadas de helicóptero a um hospital em Turim. A de 9 anos não resistiu aos ferimentos. A de cinco anos chegou consciente e passa por cirurgia para tratar fraturas múltiplas.

Inicialmente, a informação era de que havia 11 pessoas no teleférico, mas, depois, a agência de notícias americana “Associated Press” informou que equipes de resgate continuavam revistando a área – por causa de indicações de que poderia haver até 15 pessoas no veículo, disse um porta-voz do serviço italiano de resgate alpino.

A causa do acidente ainda não foi determinada, mas relatos locais apontam que o cabo do teleférico pode ter falhado a cerca de 300m do topo do monte, que tem 1.491m de altura.

Equipes de resgate trabalham em meio aos os destroços de um teleférico que ele desabou perto do cume da linha Stresa-Mottarone na região de Piemonte, norte da Itália, neste domingo (23). — Foto: Soccorso Alpino e Speleologico Piemontese via AP

Equipes de resgate trabalham em meio aos os destroços de um teleférico que ele desabou perto do cume da linha Stresa-Mottarone na região de Piemonte, norte da Itália, neste domingo (23). — Foto: Soccorso Alpino e Speleologico Piemontese via AP

O porta-voz do serviço de resgate observou que a linha foi renovada em 2016 e só recentemente reabriu, depois que bloqueios para conter o coronavírus fecharam teleféricos em toda a Itália.

G1 MUNDO

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas