Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Pronto-Socorro do Hospital de Campanha de Cruzeiro do Sul será desativado

_________________Publicidade_________________

Devido a redução no número de novos casos, internações e mortes por Covid-19 no município, na próxima semana o Pronto-Socorro do Hospital de Campanha de Cruzeiro do Sul, será desativado. Os pacientes com sintomas da doença serão atendidos em unidades básicas de saúde do município e só em caso de necessidade de internação serão tratados no HC.

A ação é parte do desmonte dos Hospitais de Campanha de Cruzeiro do Sul e Rio Branco já anunciada pelo governador Gladson Cameli, para este mês de setembro.

Segundo uma fonte da Associação Nossa Senhora da Saúde – Anssau, que administra os Hospitais do Juruá e de Campanha de Cruzeiro do Sul, a enfermaria do HC, que conta com 60 leitos, ficará com apenas 20 e a UTI, contará com 10 vagas.

Enfermeiros, técnicos em enfermagem, fisioterapeutas e outros profissionais que atuaram na pandemia já foram demitidos e os desligamentos prosseguem. A direção da Anssau busca, junto ao governo, manter o corpo médico contratado durante o período crítico da pandemia. É com os recursos repassados pelo Estado que a Anssau paga os servidores.

O governador Gladson Cameli garantiu que os equipamentos das Unidades de Terapia Intensiva – UTI, serão distribuídas para unidades hospitalares do Acre. “Tudo o que veio para o Acre durante a pandemia aqui ficará”, pontuou.

Sem mortes há 9 dias

Cruzeiro do Sul não registra mortes por Covid-19 desde o dia 7 de setembro, há 9 dias. Nesta quinta-feira, 16, há um total de 6 pacientes internados no Hospital de Campanha do município. 5 estão na clínica e 1 na Unidade de Terapia Intensiva – UTI.

Nas últimas 24 horas não foram registradas novas internações nem altas.

Cruzeiro do Sul já chegou a ter mais de 100 doentes internados de 9 cidades do Acre.

Via-Ac 24 horas

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas