16 de agosto de 2022   |   19:54  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Projeto de desenvolvimento do turismo local a partir de práticas de sustentabilidade é apresentado em Cruzeiro do Sul

Atualmente, somente Machu Picchu, no Peru, possui o Selo Verde, uma certificação que destaca a responsabilidade ambiental das empresas em executar suas atividades com o menor impacto ambiental possível. Com a adoção do programa, o Acre pode receber o selo, que destaca a região com o turismo sustentável, não agredindo o meio ambiente.

_________________Publicidade_________________

Redação Juruá Online

A Federação das Associações Empresárias de Santa Catarina (FACISC) lançou em 2021 no município de Fraiburgo o Programa de Desenvolvimento Econômico Local (DEL), atendendo a demanda de associações filiadas a diversas prefeituras catarinenses de promover um programa específico para o desenvolvimento econômico local. Os bons resultados, obtidos em diversas localidades nos primeiros anos do programa chamaram atenção de outros estados.

No estado do Acre, o programa foi adotado para ser aplicado na região. O consultor do DEL Turismo, Estácio Alexandre, frisou a importância do programa para o Vale do Juruá. “O objetivo do programa é reunir as entidades públicas e privadas para pensar no turismo de forma sustentável e construtiva para o município de Cruzeiro do Sul”, explicou.

O coordenador da Câmara do Fórum do turismo no Acre, João Bosco, enfatizou a importância de projetos como o do desenvolvimento econômico local.

“O Vale do Juruá está passando por um momento ímpar com seus potenciais incríveis, tanto do ecoturismo como etnoturismo”, disse o coordenador.

Atualmente, somente Machu Picchu, no Peru, possui o Selo Verde, uma certificação que destaca a responsabilidade ambiental das empresas em executar suas atividades com o menor impacto ambiental possível. Com a adoção do programa, o Acre pode receber o selo, que destaca a região com o turismo sustentável, não agredindo o meio ambiente.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS