26 de maio de 2022   |   21:21  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Prefeitura decide suspender carnaval e convocar médicos

_________________Publicidade_________________

Em coletiva de imprensa na quinta-feira, 13, a secretaria de saúde de Rio Branco, Sheila Andrade, declarou que a gestão, em decisão tomada em concomitância com o promotor de Saúde, Gláucio Oshiro, decidiu tomar algumas medidas para conter o avanço dos novos casos de Covid-19 e síndrome gripal.

De acordo com a secretária, durante a reunião foi colocado quantitativos demonstrados a forte onda de Covid-19 e síndrome gripal que vem atingindo a população de Rio Branco e não ocasião foram tomadas duas decisões imediatas, sendo que uma delas é restringir os testes para pessoas que estão com sintomas. “O prefeito Bocalom convidou o promotor Gláucio Oshiro para traçar juntos essas estratégia. Os testes que as unidades estão elaborando estão indicando que há um aumento considerável de Covid-19 dentro do município e em virtude disso o prefeito tomou a iniciativa de traçar estratégia para trabalhar e tratar a nova onda juntamente com a governadora em exercício. A partir de amanhã, através de nota técnica, nós, infelizmente, teremos que restringir quem irá fazer os testes para Covid-19, que serão apenas às pessoas que estiverem com alguns sintomas. A procura pelo teste está sendo muito grande e não imaginávamos e também não estávamos preparados para esta terceira onda, então nossos testes estão dentro de um quantitativo que dá para atender a população que está com sintomas, se abrimos para a população geral, nesse momento, nem o estado e nem o município atenderá a população que realmente precisa”, disse.

Além disso, Sheila ressaltou que a prefeitura vai, por meio de documento e decreto, suspender férias, licença prêmio de servidores, além de convocar os médicos que se encontram em greve desde o ano passado. “Vamos fazer um decreto obrigatório para suspender férias e licença Premium dos profissionais da saúde, paralelo a isso nós vamos estar convocando todos os médicos que estão em greve, mas faremos isso mediante decisão jurídica para não prejudicarmos ninguém”, argumentou.

Por fim, a gestora avisou que a prefeitura pretende, por hora, suspender a realização do carnaval 2022. Ele destacou que as pessoas precisam redobrar os cuidados para evitar a propagação do vírus. “Não estamos tendo os cuidados de distanciamento, lavagem das mãos não é constante, se você andar pela cidade, poucas pessoas estão usando máscara. É recomendável uso máscaras quando estão gripados e estão tirando para respirar. Temos que trabalhar muito forte. Outra decisão é que irmos abrir a URAP Maria Barroso para referência neste atendimento, onde estará funcionando de 07h às 22h, de segunda, e atenderá especificamente síndrome gripal e Covid-19”, explicou.

Por Saimo Martins

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS