24 de maio de 2022   |   09:29  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Por falta de transporte fluvial, alunos ribeirinhos da Praia Grande sentem dificuldade de ir à escola

Em resposta, a Coordenadora da Educação, Ruth Bernardino, afirma que a empresa já foi licitada e aguarda a regularização para o início da atividade que já tem data marcada.

_________________Publicidade_________________

Após três semanas desde início do ano letivo, alunos da comunidade ribeirinha Praia Grande estão tendo dificuldades para chegar até a escola estadual mais próxima do local. Os pais reclamam da falta de um barco disponibilizado pelo Estado.

Segundo a presidente do bairro, Maiqueline Rodrigues, diversas conversas já foram realizadas com o setor responsável. Ela diz que os alunos precisam do transporte fluvial, pois os pais não têm condições de levá-los todos os dias.

Para os pais, os gastos estão saindo do próprio bolso e muitas vezes devem desinteirar o pão para comprar gasolina. “As economias estão acabando, como vamos fazer para passar o restante do mês?”, disse uma mãe insatisfeita.

Foto: Arquivo Juruá Notícias

Em resposta, a Coordenadora da Educação, Ruth Bernardino, afirma que a empresa já foi licitada e aguarda a regularização para o início da atividade que já tem data marcada.

“A secretaria de Educação tem um prazo até 16 de maio para estar com tudo pronto. Hoje, temos uma empresa ganhadora na licitação para o transporte fluvial na região do Juruá. Os barqueiros estão sendo selecionados para esse trabalho”, explica Bernardino.

Redação Juruá Online

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS