Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Policiais militares do RJ e AM ministram instrução aos alunos do 1º Curso de Cinotecnia da PMAC

_________________Publicidade_________________

Assessoria de Comunicação da PMAC

Os 42 alunos do 1° Curso de Cinotecnia, oferecido pela Polícia Militar do Acre (PMAC) aos profissionais da Segurança Pública do Estado e instituições co-irmãs, recebem instrução, desde segunda-feira, 2, de policiais militares dos estados do Rio de Janeiro e Amazonas. Nesta etapa, eles aprendem sobre “Gestão de unidade cinotécica”, Detecção de substâncias” e “Busca e resgate de pessoas em ambientes de selva”.

Estas disciplinas estão sendo ministrada pelo subcomandante do Batalhão de Ações com Cães da Polícia Militar do Rio de Janeiro (PMRJ), o Coronel Sandro Aguiar dos Santos, pelo 1º Sargento Wagner Alves, também da PMRJ, e pelo Cabo Geovane Mattos, da Polícia Militar do Amazonas (PMAM).

O Cabo Geovane, da PMAM, falou da importância de participar, como instrutor convidado, do primeiro curso de Cinotecnia no estado do Acre. “Além de instruir sobre busca e resgate de pessoas, vivas e homiziadas (foragidas da justiça) em ambientes de selva, tive a oportunidade de apresentar ao turno o cão “Rastreador Brasileiro”, a terceira raça brasileira de cães reconhecida pelo Federação Cinológica Internacional e pelo Confederação Brasileira de Cinofilia”, destacou o policial.

O curso de Cinotecnia está sendo realizado nas dependências do Batalhões de Operações Especiais (BOPE), com 45 dias de instruções, entre disciplinas práticas e teóricas. Todos os instrutores, da própria PMAC e das instituições co-irmãs, dispõem de comprovado nível de conhecimento em suas áreas.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas