Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Polícia de Hong Kong investiga organizadores de vigília na Praça da Paz Celestial

_________________Publicidade_________________

A polícia de segurança nacional de Hong Kong está investigando um grupo por trás da vigília anual de 4 de junho que aconteceu na cidade. A data relembra os manifestantes pró-democracia que morreram durante a repressão da Praça da Paz Celestial (Tiananmen), em Pequim, em 1989. A carta foi enviada aos organizadores da vigília e foi vista pela CNN.

Segundo a correspondência da polícia, o grupo Aliança de Hong Kong em Apoio aos Movimentos Democráticos e Patrióticos da China deve enviar detalhes pessoais de todos os seus diretores e membros, incluindo seus nomes, datas de nascimento, endereços, informações de contato e funções.

A carta também exige que o grupo – formado há mais de três décadas para apoiar aqueles que protestam pela democracia em Pequim – forneça todos os registros de reuniões com outros grupos políticos em Hong Kong, Taiwan e no exterior, bem como revelem sua fonte de renda.

O pedido foi feito, segundo a polícia, porque era “razoável acreditar” que estas informações ajudariam a investigar possíveis crimes contra a segurança nacional. A aliança deve fornecer as informações dentro de 14 dias – caso contrário, o grupo pode ser processado.

Via-CNN

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas