Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

PM vai suspender porte de arma de major preso após agredir esposa e sogra em Assis Brasil, oficial ficará encarcerado

_________________Publicidade_________________

A Polícia Militar do Acre vai retirar o porte de arma de fogo do major Moisés Araújo, preso nesta quinta-feira, dia 10, em flagrante, após agredir a esposa e a sogra em Assis Brasil. Araújo é o comandante da corporação no município, e após ser detido, foi levado para Brasileia, onde permanece encarcerado.

Em nota, o Comando-Geral da instituição destaca que não concorda com a atitude tomada pelo militar, e confirmou que ele segue preso e será investigado pela Polícia Civil. ARAUJO deve ser transferido para Rio Branco nas próximas horas, onde ficará preso no Batalhão de Policiamento Ambiental, tendo em vista que militares tem privilégios quando são presos.

“Dentre os atos, está previsto a suspensão de cautela de material bélico e do porte de arma de fogo quando a integridade física da vítima estiver em perigo e a instauração imediata de sindicância regular para apuração do fato”, explica o Comando, aí dizer como atuará diante do caso.

E completa a nota: “ O Comando da Corporação, ao tomar conhecimento dos fatos ocorridos na região do Alto Acre, determinou a instauração de apuração correcional, e, concomitantemente a isso, o caso está sendo apurado pela delegacia de Polícia Civil, estando o militar preso em flagrante”, alerta ao completar: “ a Instituição afirma tratar-se de fato que não condiz com a formação e a preparação dos policiais militares acreanos”.

Via – Notícias da Hora

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas