Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Nos pênaltis, Rio Branco vence o Humaitá e conquista o 17° Campeonato Acreano

_________________Publicidade_________________

Após 101 minutos de bola rolando em tempo normal, sendo 90 minutos na etapa regulamentar e mais 11 de acréscimo e com público na Arena da Floresta, o Rio Branco venceu a partida por 1 a 0, com gol de pênalti de Gabriel Ceará, aos 12 minutos do segundo tempo. Entretanto, o título do Campeonato Acreano foi decidido na prorrogação com o Estrelão conquistando o 17° título estadual.

Foto: Sérgio Vale/ac24horas

Como foi o jogo

Na etapa inicial, o jogo foi estudado, entretanto, com duas estratégias distintas, o Rio Branco em busca do gol para forçar a prorrogação e a equipe do Humaitá tentava segurar o empate, o que pelo regulamento da competição, lhe assegurava o título inédito. Melhor para o Tourão que levou o 0 a 0 para o segundo tempo.

Foto: Sérgio Vale/ac24horas

Porém, a partida mudou de figura na etapa complementar e após muita pressão do Estrelão, a equipe abriu o marcador depois da tentativa de cruzamento para a área do Humaitá, a bola bateu no braço do defensor Luan. O árbitro Julian Negreiros marcou penalidade máxima que Gabriel Ceará bateu firme no centro do gol, sem chance para o arqueiro.

Foto: Sérgio Vale/ac24horas

Porém, após o gol, o técnico Marcelo Brás tentou pilhar o jogo e acabou arrumando confusão que culminou na sua expulsão e de mais dois jogadores: o zagueiro Jefferson do Humaitá e Jackson do Estrelão. Com 11 jogadores cada equipe, a partida ficou mais aberta com chances de ambos os lados. Mas, por muito pouco, o Rio Branco não conquistou o título ainda na etapa normal, Fafa recebeu cruzamento e desviou para o gol, mas estava em posição irregular.

Foto: Sérgio Vale/ac24horas

Na prorrogação, as equipes se arriscaram mas, nos 30 minutos decisivos, a partida foi para as penalidades. O Rio Branco, mais uma vez foi melhor e mostrou a força da sua camisa e se consagrou campeão com uma atuação impecável do herói das penalidades, o goleiro Elvis, que agarrou duas cobranças, uma de Aldair e outra de Matheus.

O Estrelão, que não desperdiçou suas cobranças, teve o gol decisivo marcado por Gabriel Ceará, autor do gol na etapa normal. Resultado final, 4 a 2 para a equipe estrelada. O jogo contou com 247 torcedores pagantes e gerou renda superior a R$ 2 mil reais.

Via-Ac 24 horas

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas