2 de julho de 2022   |   11:46  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

No último sábado (4) duas mortes e três prisões são registradas em Cruzeiro do Sul

Durante a Operação Lei Seca, três homens, que estavam num veículo de cor prata, foram presos.

_________________Publicidade_________________

Redação Juruá Online

No último sábado (4), duas mortes violentas foram registradas em Cruzeiro do Sul. De acordo com a Polícia Militar, os crimes estão ligados diretamente.

Ronaldo Torres Ferreira, de 37 anos, foi morto a golpe de faca na região do lombar, durante uma briga nas proximidades do Mercado Beira Rio.

“Segundo informações de populares, essa confusão começou a partir de um jogo, conhecido por cholita, no próprio mercado, e posteriormente se estendeu até o bar, tendo agressões mútuas, vindo um a ferir o outro fatalmente com uma faca, arma branca”, explicou o comandante do 6º BPM, Edvan Rogério.

Durante a noite de sábado, Jonas de Lima foi morto com tiros na região da cabeça, quando estava em sua residência, no bairro São José. O motivo seria vingança, já que o mesmo era autor do crime que vitimou Ronaldo.

“O Jonas na verdade foi o autor do homicídio na tarde de sábado. À noite, invadiram a casa dele, dois agentes, e efetuaram vários disparos de arma de fogo, na região da cabeça e do pescoço. Pelas características, foi execução mesmo, e que o levou a óbito no local”, declarou o comandante.

Durante a Operação Lei Seca, três homens, que estavam num veículo de cor prata, foram presos no bairro do Remanso. Mesmo recebendo voz de parada, os suspeitos não obedeceram, iniciando evasão imediatamente, mas a polícia fechou o cerco, realizando a prisão dos mesmos ao constatar que estavam armados.

“A nossa operação estava na rua e conseguiu abordar esse veículo com dois cidadãos armados. O motorista diz ser de aplicativo, e estava levando esses dois passageiros. Eles estavam armados com armas do mesmo calibre que foram utilizadas na execução”, pontuou o comandante.

Os suspeitos foram presos em flagrante e levados a Delegacia Geral de Polícia Civil de Cruzeiro do Sul.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS