Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

‘Nem tive tempo de pensar’, diz paratleta Carol Santiago sobre cinco medalhas conquistadas em Tóquio

_________________Publicidade_________________

A paratleta Carol Santiago contou que ainda não conseguiu comemorar devidamente as cinco medalhas que conquistou durante as Paralimpíadas de Tóquio. Três delas foram de ouro. uma de prata e outra de bronze. Ela foi a primeira brasileira a conquistar três medalhas de ouro na natação em uma única edição dos Jogos Paralímpicos .

“Eu estou muito feliz com o resultado e ainda nem tive tempo de comemorar, nem tive tempo de pensar sobre o que a gente conquistou”, afirmou a pernambucana, nascida no Recife e criada em Caruaru, no Agreste do estado.

Carol Santiago no pódio com o ouro nos 100 metros livre — Foto: Miriam Jeske/CPB @miriamjeske.photo

Carol Santiago no pódio com o ouro nos 100 metros livre — Foto: Miriam Jeske/CPB @miriamjeske.photo

As conquistas de Carol Santigago foram significativas não apenas pela quantidade de medalhas, mas também porque a paratleta quebrou um jejum de 17 anos sem ouros femininos na natação, além de ter quebrado um recorde paralímpico.

Carol atingiu a marca de 1min14s89 na final dos 100 metros peito da classe SB12, disputada por atletas com deficiências visuais. A nadadora nasceu com a síndrome de Morning Glory, uma alteração congênita na retina que reduz o campo de visão.

Esse não foi o único recorde quebrado por ela nos últimos tempos. Na seletiva brasileira para os jogos, a nadadora bateu também o tempo mundial dos 50 metros livre. “Foi um programa bastante extenso, mas a gente conseguiu realizar da melhor forma”, afirmou Carol.

Carol Santiago conquistou cinco medalhas nas Paralimpíadas Tóquio — Foto: Adam Pretty/Getty Images

Carol Santiago conquistou cinco medalhas nas Paralimpíadas Tóquio — Foto: Adam Pretty/Getty Images

As conquistas da paratleta em Tóquio foram os ouros nos 100 metros livres SB12, 50 metros livre S13 e os 100 metros livre S12, uma prata no revezamento quatro por 100 metros livres misto até 49 pontos e um bronze nos 100 metros costas S12.

Em vídeo enviado a TV Globo, Carol também agradeceu ao apoio dos torcedores. “Eu queria agradecer a todos que acompanharam, todos que vibraram, que trouxeram e me mandaram mensagens, que choraram comigo, riram comigo. Foi muito importante também toda essa participação de vocês comigo durante todos os jogos”, declarou.

Via-G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas