Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

MPAC pede instalação no Acre de usina de oxigênio que atendeu Manaus durante colapso do sistema de saúde

_________________Publicidade_________________

Para avançar numa das demandas mais urgentes para o Acre nesse momento de agravamento dos casos de Covid-19, a procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), Kátia Rejane de Araújo Rodrigues, solicitou à Fundação Amazônia Sustentável e ao Governo do Amazonas a instalação de uma usina de oxigênio no Acre.

No documento destinado ao superintendente de Inovação e Desenvolvimento Institucional da Fundação Amazônia Sustentável, Victor Salvati, a procuradora-geral de Justiça salienta que, apesar de todas as iniciativas do MPAC para amparar a população através da campanha SOS Acre, há outra demanda ainda mais urgente: oxigênio. O MPAC adquiriu 25 cilindros que já foram entregues ao Estado no último domingo, 14, e avança em nova tratativa para a aquisição de mais 150.

“Apesar de todos os esforços, a situação exige mais. E, por isso, fazemos esse apelo para que o MPAC possa aderir à “Aliança Covid” e, neste momento, potencializar nossa Campanha SOS Acre, ao receber apoio para adquirirmos uma usina de oxigênio para o Estado, bem como a indicação de empresas para o fornecimento de oxigênio, além de doações de cilindros para o estado, urgentemente. Ressalto que o “Grupo Americanas” disponibilizou para a SOS Acre o transporte aéreo e terrestre, o que vai facilitar, em muito, a logística”, informou.

Em outro documento endereçado ao governador do Estado do Amazonas, Wilson Miranda Lima, no último dia 13, a chefe do MP acreano explica a situação do estado e pede, encarecidamente, o apoio do governo amazonense para disponibilizar, em doação, uma das usinas de oxigênio, que foi fornecida pela Fundação Amazônia Sustentável, no momento mais crítico da crise e que, atualmente não estaria em uso.

Via: Notícias da Hora

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas