Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Moisés destaca mil dias de Gladson e desabafa sobre o PT: “vi como nós aliados éramos tratados”

_________________Publicidade_________________

Ao falar sobre os mil dias de governo Gladson, o secretário-adjunto de Educação e ex-deputado federal Moisés Diniz fez um desabafo. Disse que durante seu tempo de Frente Popular nunca foi valorizado pelos governos do PT, como Gladson valoriza seus aliados hoje.

“Eu fiz parte dos governos do PT e vi como nós aliados éramos tratados. Eu fui líder de dois governadores do PT e eu nunca tive uma secretaria, nunca tive uma diretoria. Eu nunca fui atrás de um cargo alto. Eu tinha três, quatro pequenos cargos lá em Tarauacá e mesmo assim fui leal à Frente Popular e aos governos do PT”, diz Moisés.

Ainda em seu desabafo, Moisés Diniz deixou claro que mesmo tendo poder na estrutura pública, nunca o utilizou para benefício próprio. “Eu nunca coloquei meus filhos, eu nunca coloquei minha mulher no governo quando eu era deputado, quando eu era líder do governo ou vice-presidente da Assembleia. Eu sempre vivi do meu salário”, disparou.

Moisés citou o vice-governador Major Rocha como exemplo de aliado “bem acomodado” no governo. Segundo ele, Rocha tinha em suas mãos a Cultura, a Segurança Pública, o Detran e metade da área da Agricultura.

“Gladson não brigou com um único aliado. Agora, teve aliados que decidiram sair do governo. Nenhum foi expulso ou porque foi perseguido, ou porque tomaram seus espaços ou porque foram maltratados. Quem conhece o Acre sabe como era que como eram tratados os aliados”, lembrou.

Via – Notícias da Hora

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas