Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Menor bebê prematuro do mundo, nascida com peso de uma maçã, tem alta após 13 meses

_________________Publicidade_________________

Uma bebê considerada a menor do mundo ao nascer recebeu alta de um hospital de  Singapura após 13 meses na UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Kwek Yu Xuan tinha apenas 212g — o peso de uma maçã — quando nasceu e media 24 cm de comprimento.

Seu parto foi prematuro. Sua mãe deu à luz com pouco menos de 25 semanas — muito menos que a média de 40.

Yu Xuan nasceu por cesariana de emergência quatro meses antes do previsto — Foto: Arquivo Pessoal/Via BBC

Yu Xuan nasceu por cesariana de emergência quatro meses antes do previsto — Foto: Arquivo Pessoal/Via BBChttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

O recorde anterior era de uma menina nos Estados Unidos que nasceu em 2018 pesando 245g, de acordo com uma compilação elaborada pela Universidade de Iowa, nos Estados Unidos.

A mãe de Yu Xuan deu à luz por cesariana de emergência quatro meses antes do previsto após o diagnóstico de pré-eclâmpsia — complicação grave da gravidez associada à hipertensão arterial que pode levar à morte da mãe e do bebê.

Yu Xuan agora pesa 6,3 kg e seu estado de saúde é bom.

Veja abaixo uma reportagem de junho de 2021 de um bebê do Mato Grosso do Sul que foi internado duas vezes.

Bebê prematuro tem alta e precisa voltar ao hospital após pegar Covid
https://imasdk.googleapis.com/js/core/bridge3.473.0_pt_br.html#goog_124331543300:00/00:16

Bebê prematuro tem alta e precisa voltar ao hospital após pegar Covid

A menina tinha uma “chance limitada de sobrevivência”, de acordo com o National University Hospital (NUH) de Singapura, onde nasceu.

“Contra todas as probabilidades, com complicações de saúde presentes no nascimento, ela inspirou as pessoas ao seu redor com sua perseverança e crescimento, o que a torna uma bebê ‘covid-19’ extraordinário — um raio de esperança em meio à turbulência”, disse o hospital em um comunicado.

Durante seu período no hospital, Yu Xuan recebeu vários tipos de tratamento e precisou de diferentes máquinas para sobreviver.

Os médicos dizem que sua saúde e desenvolvimento progrediram consideravelmente sob seus cuidados e agora ela está bem o suficiente para receber alta.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Yu Xuan ainda tem doença pulmonar crônica e precisará de ajuda para respirar em casa. No entanto, os médicos do NUH dizem que ela deve melhorar com o tempo.

Sua mãe, Wong Mei Ling, disse à imprensa local que o nascimento e o tamanho de Yu Xuan foram um choque porque seu primeiro filho — um menino de quatro anos — nasceu a termo, ou seja, entre 38 e 40 semanas.

Os pais de Yu Xuan conseguiram pagar por sua longa permanência no hospital por meio de uma vaquinha virtual que arrecadou o equivalente a R$ 1,4 milhão.

Via-G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas