Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Médico diz que 1/4 dos internados em UTI de Covid-19 no Acre tem entre 22 e 40 anos

A taxa de ocupação em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinada a pacientes com Covid-19 no Acre tem apresentado alto número de pessoas mais jovens nesta segunda onda de contaminação do novo coronavírus no Estado. O alerta foi emitido pelo médico infectologista Thor Dantas, por meio das redes sociais.

De acordo com o especialista, a faixa etária média de pacientes que constam nesses leitos atualmente baixou significativamente. O cenário atual não coloca somente os idosos acima dos 70 em presença massiva nas UTIs, mas pessoas de, 22, 37, 39 e 40 anos. Dantas salienta que ¼ dos internados na UTI de Covid-19 hoje têm essa média de idade.

Nesta quinta-feira, 11, o Acre apresenta uma taxa de 98 UTI’s ocupadas de total de 106 nos hospitais de referência para Covid-19. A taxa geral de ocupação de leitos de UTI no estado é de 92,5% contra 85% dos leitos clínicos

Ontem, dia 10, o Estado contabilizou mais 12 mortes por complicações da doença e mais 400 novos casos de contaminação. No Hospital de Campanha do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-Ac), dos 50 leitos de UTI existentes, 47 estavam ocupados (94% de lotação).

Em Cruzeiro do Sul, a taxa de ocupação é um pouco mais baixa, mas também crítica. São 21 leitos de UTI ocupados de um total de 26 disponíveis (80,8% de lotação). Na regional do Alto Acre, o Raimundo Chaar, de Brasiléia tem uma taxa de lotação de 35% nos leitos clínicos disponíveis. São 7 leitos ocupados dos 20 disponíveis, todos com pacientes positivos para a Covid-19.

VIA-AC 24 HORAS

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas