2 de julho de 2022   |   11:54  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Médico acreano é morto no interior do Paraná

Segundo informações da polícia, o médico era natural de Rio Branco.

_________________Publicidade_________________

Redação Juruá Online

Na noite do último domingo (5), um médico acreano, Fabio Maia, de 44 anos, foi morto na região de Ponta Grossa, Paraná, onde residia e trabalhava, por um suposto amigo, que foi detido pela Polícia Militar. Conforme a PM, o próprio suspeito acionou o socorro.

“Aos policiais, o acusado assumiu ter agredido o médico, e disse que ao vê-lo sem sinais vitais, decidiu ligar para o Corpo de Bombeiros, para pedir ajuda”, diz o trecho de uma reportagem local.

Em nota, o Corpo de Bombeiros local explicou: “(…) Ao chegar no local, a equipe entrou no imóvel, e deparou-se com uma vítima deitada no segundo piso da casa já sem sinais vitais, possivelmente em decorrência de uma parada cardiorrespiratória. (…) foi constatado óbito pelo médico de plantão”.

O médico era natural de Rio Branco, mas estudou Medicina fora do Estado, onde vivia.

A Prefeitura de Prudentópolis lamentou a morte do médico e afirmou que Fábio “deixa como legado o seu admirável trabalho em favor da saúde dos munícipes de Prudentópolis e seu exemplo de profissional dedicado e ético”.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS