1 de julho de 2022   |   09:05  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Médica acreana tem artigo publicado em importante revista científica de circulação mundial

_________________Publicidade_________________

A pesquisa científica da doutora em Saúde Pública e médica da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), Suiane Negreiros, intitulada “Dose mais alta de primaquina para prevenir a recaída da malária por Plasmodium vivax”, foi divulgada em uma revista científica relevante e de alcance mundial, a The New England Journal of Medicine, nesta quinta-feira, 31.

O estudo foi uma colaboração de pesquisadores do Instituto Evandro Chagas e Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), no Brasil, dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) nos Estados Unidos (EUA), da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (Usaid) e Ministério da Saúde.

O artigo relata o estudo realizado em oito postos de diagnóstico de malária em Cruzeiro do Sul, no Acre, avaliando-se três esquemas de primaquina, medicamento usado para o tratamento da malária, na prevenção de recaída por Plasmodium vivax, em adultos e crianças com, pelo menos, 5 anos.

Todos os pacientes receberam cloroquina, diretamente observada, por três dias. Os autores constataram que o uso de primaquina administrada na dose total de 7,0 mg/kg obteve maior eficácia terapêutica na prevenção de recaída da malária por Plasmodium vivax do que a dosagem atualmente recomendada (3,5 mg/kg).

A proporção de pacientes que não apresentou episódios de recaídas no período de seis meses, após a infecção inicial, subiu para 86% em comparação ao percentual de 59% para aqueles que receberam o tratamento com dose mais baixa de primaquina. Em outras palavras, 27% das infecções de Plasmodium vivax nas Américas poderiam ser prevenidas com o esquema terapêutico de dose dobrada de primaquina.

Esses achados contribuem para o fortalecimento da promoção da saúde no combate à malária. Os resultados deste estudo poderão também servir de base para a revisão da política de tratamento para a malária por Plasmodium vivax nos países das Américas.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é WhatsApp-Image-2022-03-31-at-15.40.56.jpeg
Suiane Negreiros é médica do quadro de servidores da Sesacre e mora em Cruzeiro do Sul. Foto: cedida

Confira o artigo da íntegra:

Higher-Dose Primaquine to Prevent Relapse of Plasmodium Malaria

Com informações da Agência de Notícias do AC.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS