14 de agosto de 2022   |   03:36  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Major da PM dá tapa na cara de doméstica que se atrasou no Rio de Janeiro

Os dois discutem e o PM mantém pouca distância da funcionária, enquanto aponta com o dedo para o seu rosto. Patrícia, então, empurra Chagas, que dá um tapa em seu rosto.

_________________Publicidade_________________

Rio de Janeiro – Um major da Polícia Militar é investigado por agredir uma empregada doméstica que trabalha em sua casa, no Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste do Rio. A vítima levou um tapa no rosto por ter chegado atrasada no serviço.

Imagens de câmeras de segurança mostram que Patrícia Peixoto entra no elevador com seu patrão, o major Bruno Chagas, por volta das 10h18.

Os dois discutem e o PM mantém pouca distância da funcionária, enquanto aponta com o dedo para o seu rosto. Patrícia, então, empurra Chagas, que dá um tapa em seu rosto.

“Deixei minha filha, de 1 ano, com pneumonia em casa. Tinha sido uma noite horrível, e eu deixei ela para ir trabalhar e levar um tapa”, disse a vítima ao RJ1

O caso aconteceu na manhã do último dia 18. O caso foi registrado na 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes e a defesa de Patrícia entrou com um pedido de medida protetiva contra o major.

Segundo a Polícia Militar, a Corregedoria da corporação abriu uma investigação sobre o caso.

Com Informações Metrópoles

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS