24 de maio de 2022   |   10:06  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Justiça aceita denúncia de acusado de decepar dedo de Nego Bau com um terçado

_________________Publicidade_________________

O Juiz da 3ª Vara Criminal, Raimundo Nonato Costa, recebeu a denúncia contra o acusado de torturar o morador de rua que era conhecido como “Nego Bau”. “A materialidade e autoria do crime estão comprovadas por meio de documentos juntados pela investigação da autoridade policial”, escreveu o magistrado.

Com a decisão, o presidiário Jefson Castro da Silva Ferreira passa da condição de acusado para réu no processo. Ele responder ação penal, que é a produção de provas, no âmbito da Justiça, pelo crime de tortura. A partir de agora o réu terá o prazo de 10 dias para responder à acusação.

Jefson Castro foi denunciado por torturar o morador de rua Renan Souza, que era conhecido como Nego Bau. Consta na denúncia do Ministério Público do Acre que o crime ocorreu em dezembro do ano passado na casa do acusado. Dias depois, o vídeo que mostra as agressões foi divulgado nas redes sociais.

A vítima chegou a ter um dos dedos da mão decepado por um golpe de terçado. Nego Bau, como era conhecido, morreu no dia 15 janeiro deste ano, em decorrências de problemas de saúde.

Jefson Castro foi preso no dia 12 de abril durante uma ação de investigadores da Delegacia de Homicídios. Agora o próximo passo do processo e audiência de instrução e julgamento. A data ainda será definida.

Acre News

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS