jurua_online_outubro_rosa.png

Variedades

Previous Next

Durante pandemia casos de violência contra a mulher aumentam 60%, diz DEAM

Durante a pandemia a Delegacia Especializada em Atendimento a mulher e ao Menor (DEAM) da cidade de Cruzeiro do Sul, registou um aumento no número de casos de violência contra a mulher em cerca de 60%. A delegacia recebe diariamente denúncias dessa natureza e durante os dois últimos dias registraram dois casos de agressões brutais.


Uma vítima que apanhou do próprio esposo fez a denúncia na segunda-feira (21) e depois de tomadas as providências legais pela Lei Maria da Penha, o agressor foi preso. "A senhora foi brutalmente agredida pelo seu companheiro, a Polícia conseguiu efetuar a prisão, ele está sendo flagranteado nesse momento e também será encaminhado ao Presídio Municipal Manoel Neri da Silva", disse o Delegado responsável pela DEAM, Alexnaldo Batista.


Segundo confirmação do próprio delegado, outra mulher procurou a delegacia para registrar um boletim de ocorrência em denúncia a uma agressão realizada por dois homens quais ela se recusou a ter relações sexuais. Os indivíduos chegaram a levá-la de carro a um local onde ela se recusou a entrar e retornando ao bar que estavam anteriormente, no momento que ela descia do veículo, os dois suspeitos iniciaram a machucá-la fisicamente.

 

No depoimento ela alegou que o fato aconteceu em um bar na estrada que dá acesso ao Aeroporto de Cruzeiro do Sul. O Dr. Alexnaldo esclareceu que assim que a vítima relatou o acontecido foi solicitado um exame de Corpo de Delito que comprovou as agressões sofridas, "Essa jovem está bastante assustada, ela é maior de idade e os agressores também, os mesmos estão sendo investigados", concluiu o delegado que está trabalhando para que os infratores sejam punidos por esses atos violentos.

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image