Image
Image
Image
Image
Image


    #

    Variedades

    Brasileiras fãs de K-pop são enganadas e forçadas a se prostituírem na Coreia do Sul, diz imprensa

    Cinco homens foram presos após atraírem sete jovens em redes sociais e pagarem passagens para que elas fossem ao país asiático. Com passaportes confiscados, elas ficaram presas em casa de prostituição até conseguirem contato com embaixada brasileira


    Cinco homens foram presos na Coreia do Sul, acusados de atraírem sete brasileiras até o país, com a promessa de carreira artística, e forçá-las a se prostituírem. As jovens têm idades entre 20 e 30 anos.

    Segundo o site The Korea Times, as jovens são fãs de K-pop (grupos de música pop coreanos, geralmente só de cantores) e foram recrutadas em redes sociais no início de julho. Os detidos disseram a elas que tinham contatos no país e que elas poderiam fazer testes para se tornarem cantoras e modelos.

    Eles pagaram as passagens de ida e volta e as brasileiras chegaram ao país asiático na metade de julho. Assim que chegaram, elas tiveram seus passaportes confiscados, foram confinadas em alojamentos em Goyang e Paju, na província de Gyeonggi, e tiveram seus voos de volta cancelados.

    Em seguida, foram vendidas a uma casa de prostituição por 2 milhões de won (cerca de R$ 7 mil) cada. Ali, foram ameaçadas e informadas que teriam que trabalhar para pagar de volta o valor de suas passagens aéreas. Também foi dito a elas que, caso procurassem a polícia, seriam presas e acusadas de prostituição.

    Apenas no dia 17 de agosto, aproveitando uma distração das pessoas encarregadas da vigilância, elas conseguiram entrar em contato com a embaixada brasileira, que avisou a polícia. Uma operação de resgate retirou as vítimas do local e elas agora estão em um abrigo, aguardando para retornar ao Brasil.

    Ainda de acordo com o The Korea Times, a polícia de Ilsan Dongbu afirmou que os cinco homens foram acusados de cárcere privado, tráfico de pessoas e exploração de prostituição.

    banner sicredi

    banner gazin 300

    © Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

    Image
    Image
    Image

    PUBLICIDADE

    Image