Image
Image
Image
Image
Image


    #

    Variedades

    Irã anuncia aumento da capacidade de produção nuclear

    O Irã anunciou, nesta segunda (4), mais uma medida que desrespeita o Acordo Nuclear Internacional. E fez isso numa data histórica que é uma provocação aos Estados Unidos.
    O protesto tinha destinatário e endereço certos. Foi em frente à antiga sede da embaixada americana, em Teerã. Há exatamente 40 anos, estudantes iranianos invadiram o prédio e fizeram 52 diplomatas e funcionários reféns. Estados Unidos e Irã romperam as relações diplomáticas.
    Nesta segunda, o comandante do Exército iraniano disse que o país está pronto para pisar no que chamou de escorpião mortal, se referindo aos Estados Unidos.
    O vice-presidente anunciou que o país começou a operar 30 novas centrífugas para enriquecimento de urânio, que é matéria-prima para energia nuclear.
    As centrífugas IR-6 têm capacidade de processamento dez vezes maior que o modelo permitido pelo Acordo Nuclear fechado em 2015, com superpotências mundiais. E o Irã anunciou que já trabalha no protótipo de uma nova centrífuga 50 vezes mais rápida.
    O ministro das Relações Exteriores da Alemanha afirmou que os iranianos estão colocando em risco todo o acordo, que limitou o enriquecimento e o armazenamento de urânio pelo Irã, em troca da retirada de sanções econômicas.
    O governo americano anunciou o bloqueio de bens de nove pessoas ligadas ao líder supremo iraniano, Ayatollah Ali Khamenei. Os Estados Unidos voltaram a aplicar sanções ao Irã no ano passado, quando saíram do acordo unilateralmente. A preocupação mundial é que o enriquecimento de urânio chegue a um nível que permita produção de armas nucleares.

    banner sicredi

    banner gazin 300

    © Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

    Image
    Image
    Image

    PUBLICIDADE

    Image