logo_oficial.png

Acre

Acre ultrapassa os 13 mil infectados pelo novo coronavírus e chega a 353 mortes pela doença

O Acre ultrapassou a marca de 13 mil infectados pelo novo coronavírus neste domingo (28). Os números saíram de 12.913 para 13.058, de acordo com o boletim divulgado pela Secretaria estadual de Saúde. As mortes também aumentaram de 351 para 353.

Há ainda 384 exames aguardando o resultado nos laboratórios Lacen e Mérieux. Os dados do boletim mostram ainda que há 7.188 pessoas recuperadas no estado.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril. Desde o dia 3 de junho, todas as 22 cidades do Acre já registram casos da doença.

A taxa de letalidade no estado é de 2,7 e a de incidência é de 1.480,6 para cada 100 mil habitantes.

Ocupação de Leitos
Boletim de Assistência ao Enfrentamento da Covid-19 mostra que há 251 pacientes internados, no SUS e hospitais privados. Destes 49 estão na UTI e 202 em leitos clínicos, pediátricos e/ou obstétricos.

No Pronto Socorro de Rio Branco, dos 10 leitos existentes para pacientes com Covid-19, 8 estão ocupados, a taxa de ocupação é de 80%. No Into e Hospital de Campanha, dos 28 leitos, 25 estão ocupados, com uma taxa de 89,3% de ocupação. No Hospital Santa Juliana, a taxa de ocupação é de 100%, dos 5 leitos disponíveis 5 estão ocupados.

No Juruá, que inclui os hospitais de Cruzeiro do Sul, Tarauacá e Marechal Thaumaturgo dos 10 leitos de UTI existentes 6 estão ocupados; em relação aos leitos clínicos, dos 69 disponíveis 49 estão ocupados, a taxa de ocupação é de 71%.

Leitos Clínicos

Em Rio Branco, dos 165 leitos existentes, 93 estão ocupados, a taxa de ocupação é de 57,3%. Nos demais municípios são 16 leitos, destes 5 estão ocupados, a taxa é de 31,3%

Os leitos de UTI voltados para atender pacientes com Covid-19 estão concentrados em Rio Branco, com 38 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 10. Nesta sexta, a taxa de ocupação nesses leitos é de 90%, uma vez que dos 48 leitos, 43 estão ocupados.

Números
Dos 353 óbitos, 243, ou seja, 68,8% do total, apresentavam algum tipo de comorbidade, segundo a Saúde. Já 110 deles, 31,2%, não tinham outras doenças, segundo a Saúde. A maioria das mortes ocorre em homens, 215 (60,9%), e 138 (39,1%) em mulheres.

Até este domingo, o Acre já fez 30.718 exames, dos quais 13.058 confirmados e mais 384 seguem em análise.

Maiores taxas de contaminação a cada 10 mil habitantes:
Assis Brasil - 235
Cruzeiro do Sul - 231
Santa Rosa do Purus - 228
Rio Branco - 165
Bujari - 173
Tarauacá - 153

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image