12 de agosto de 2022   |   01:46  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Homem negro passa 6 dias preso nos EUA após polícia confundi-lo com suspeito branco

_________________Publicidade_________________

Um homem negro passou seis dias na prisão em Nevada, nos Estados Unidos, depois que a polícia o confundiu com um suspeito de mesmo nome que é branco e tem o dobro de sua idade, segundo um processo judicial.

Shane Lee Brown, de 25 anos, foi preso em janeiro de 2020 durante uma blitz em que não apresentou sua carteira de motorista. A polícia de Las Vegas encontrou um mandado em seu nome.

Mas o mandado era, na verdade, para Shane Neal Brown, um homem branco de meia-idade com barba, aponta a ação judicial.

O jovem não foi acusado de nenhum crime — e agora está processando os departamentos de polícia das cidades de Las Vegas e Henderson por danos. Ele pede uma indenização de US$ 500 mil.

Uma porta-voz da cidade de Henderson, em Nevada, disse à imprensa americana que o rapaz havia sido detido dentro da legalidade por dirigir com a carteira suspensa, mas não fez referência à acusação de erro de identificação na ação judicial.

O processo afirma que os policiais pensaram erroneamente que Brown era Shane Neal Brown, um homem branco de cabelos castanhos, olhos azuis e barba.

Via-G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS