Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Guarnição dos Bombeiros é acionada após dispositivo do Banco Santander disparar fumaça

Uma guarnição do Corpo de Bombeiros do Acre, foi acionada após um dispositivo de segurança disparar fumaça em uma agência do Santander por volta das 18 horas deste sábado (3), no Centro de Rio Branco.

À reportagem, o Tenente Santiago, do Corpo de Bombeiros do Acre, não descartou incêndio na agência bancária Ele explicou que uma falha no sistema do banco resultou na dispersão da fumaça de gelo seco.

“Não houve princípio de incêndio. O que aconteceu foi uma falha no sistema deles que resultou nessa fumaça. Essa fumaça nada mais é que um sistema de supressão de CO², ou seja, um sistema de combate a incêndios por fumaça e essa fumaça é justamente de dióxido de carbono. Porque ela é fumaça e não água? Porque essas agências lidam com muitos equipamentos eletrônicos e papéis, ou seja, a água é muito prejudicial a essas duas situações: parte elétrica e papel. Então, o sistema de supressão de fogo, ele serve justamente pra isso. É normal em agências bancárias ter essas fumaças para extinguir o fogo. Então, nessa agência do Santander houve uma falha no sistema deles que findou que acionou o sistema de supressão de incêndio que é fumaça com CO² que resultou nessa situação ai”, afirmou.

Ac 24 Horas

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas