25 de maio de 2022   |   06:06  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Governo do Acre recebe 100 milhões em emendas parlamentares e diz planejar investimentos em diversos setores

_________________Publicidade_________________

O projeto, que é fruto de recursos do senador Márcio Bittar, prevê a construção de um conjunto habitacional em Rio Branco. No orçamento, que gira em torno de R$ 40 milhões, estão inclusas as construções de 479 unidades habitacionais, 40 áreas verdes e 5 áreas institucionais.

O anúncio foi feito pelo seu suplente no Senado, Eduardo Veloso, numa reunião, nessa segunda, 25, com toda a equipe de gestão do governador Gladson Cameli, no Palácio Rio Branco, na capital acreana.

O encontro, conduzido pelo secretário do Gabinete Civil, Jonathan Donadoni, que representou o governador Gladson Cameli, revelou o direcionamento dos recursos para as diversas áreas da gestão. Na reunião, os secretários também puderam apresentar as suas demandas para novas emendas aos assessores do senador Bittar.

“Os recursos representam desenvolvimento econômico e social para o Acre, porque serão investidos em setores prioritários como saúde, pavimentação e habitação. Áreas da nossa gestão que dependem desses recursos extras. Eles estão chegando num bom momento. A gente agradece ao senador Bittar pela sua sensibilidade em alocar esses investimentos sociais à população do Acre”, disse Donadoni.

Eduardo Veloso falou sobre as prioridades dos investimentos dos recursos extraordinários. “Como se trata de uma emenda para ser investida integralmente neste ano, o senador procurou saber em que setores já havia projetos do governo prontos para ajudar. Assim as prioridades foram definidas com as destinações de R$ 20 milhões para a saúde, R$ 40 milhões para a construção de casas populares, R$ 20 milhões para a pavimentação de ruas, sobretudo em municípios que sofreram com as enchentes, e mais 20 milhões para as prefeituras realizarem parcerias com o governo”, explicou.

Como médico, Eduardo Veloso ressaltou o investimento na saúde pública do Acre para diminuir as filas de cirurgias. “Durante a pandemia, muitos procedimentos cirúrgicos ficaram represados. Com esses recursos, o sistema de saúde do Acre poderá diminuir o tempo de espera das cirurgias. No ano passado, o nosso gabinete já havia colocado mais de R$ 30 milhões para a saúde e, agora, com mais R$ 20 milhões, teremos um total de R$ 50 milhões. Isso talvez não zere as filas de cirurgias, mas pode amenizar muito o problema”, declarou o suplente.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS