Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Governo define estratégias para lançamento do Programa de Recuperação de Ramais

_________________Publicidade_________________

Secretários de Estado e diretores de autarquias estiveram reunidos nesta terça-feira, 13, para lançar estratégias de ação conjunta para o lançamento do Programa de Recuperação de Ramais. O encontro foi realizado no Centro Integrado de Geoprocessamento e Monitoramento Ambiental (Cigma) e tratou também sobre o fortalecimento das ações institucionais.

Secretários de Estado e diretores de autarquias estiveram reunidos nesta terça-feira, 13, para lançar estratégias de ação conjunta para o lançamento do Programa de Recuperação de Ramais Foto: Cedida

Estiveram presentes os secretários de Estado de Produção e Agronegócio, Nenê Junqueira; Infraestrutura, Ítalo Medeiros; Meio Ambiente, Israel Milani; Turismo, Eliane Sinhasique; Comunicação, Silvânia Pinheiro; e Saúde, Alysson Bestene. Os diretores-presidentes do Instituto de Meio Ambiente, André Hassem; e do Departamento de Estradas de Rodagem, Petrônio Antunes, além do diretor de Infraestrutura e Logística da Secretaria de Educação, Daniel Braga, também participaram do encontro.

O secretário Israel Milani e os técnicos do Cigma apresentaram as ferramentas geoespaciais disponíveis e o mapa contendo todos os ramais do estado para embasar as decisões governamentais. Durante a reunião, ficou definido que até a próxima semana serão agrupados os dados de todas as secretarias para a formulação de documento consolidado.

Sobre o Cigma

Com suporte tecnológico, ferramentas geoespaciais e técnicos capacitados, o Centro Integrado de Geoprocessamento Ambiental (Cigma) oferece informações qualificadas para direcionar as estratégias de políticas do governo. O centro é coordenado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) e conta com a parceria do Instituto de Meio Ambiente (Imac), o Instituto de Terras (Iteracre), o Instituto de Mudanças Climáticas (IMC) e a Fundação de Tecnologia do Acre (Funtac).

Com suporte tecnológico, ferramentas geoespaciais e técnicos capacitados, o Centro Integrado de Geoprocessamento Ambiental (Cigma) oferece informações qualificadas para direcionar as estratégias de políticas do governo Foto: Cedida

Agência de notícias do Acre

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas