Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

‘Estou arrasada’, diz mãe que descobriu troca de bebês 7 anos após parto em hospital de Planaltina, no DF

_________________Publicidade_________________

Momentos após ter a confirmação de que a filha de 7 anos foi trocada no hospital Regional de Planaltina, no Distrito Federal, a dona de casa Geruza Ferreira, de 38 anos, descreveu os sentimentos diante do fim dos momentos de angústia e dúvida.

“Eu fiquei feliz porque ela [filha biológica] está bem. A mãe dela é muito cuidadosa, está cuidando dela. Mas por outro lado, estou arrasada, né?”, conta.

O resultado do exame de DNA foi divulgado nesta quarta (27). A filha biológica de Geruza foi trocada pela bebê que nasceu cinco minutos depois. O caso veio à tona depois que a TV Globo noticiou que a dona de casa descobriu, no ano passado, não ser a mãe biológica da menina que cria há sete anos).
Após a repercussão, a outra família procurou a polícia para também fazer o teste. Para chegar ao resultado,a corporação comparou o matérial genético das duas mães e das duas filhas.
Ambas as famílias estavam presentes em uma reunião com o delegado responsável pelo caso e o diretor do Instituto de Pesquisa DNA Forense da Polícia Civil, nesta tarde, quando foram informadas do laudo do exame. Segundo Geruza, as duas mães se abraçaram e demonstraram gratidão.


“Eu só agradeci, por ela ter cuidado da minha filha. Ela me agradeceu, por ter cuidado da dela. E a gente vai marcar de se encontrar, isso ficou por parte dos advogados.”

A dona de casa também disse que ainda não sabe como a situação vai ser daqui para frente. “Estamos tentando respirar, para saber o que vamos fazer”.
Mulher descobre, por causa de disputa por pensão, que não é a mãe biológica da filha de 7 anos







Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas