Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Estado intensifica ações para reestruturar rede hospitalar do Juruá

Em Cruzeiro do Sul, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jaques Pereira Braga vem recebendo a implantação da tubulação da rede de gases, que trará melhores condições de atendimento a pacientes com problemas respiratórios.

Implantação da usina de gases disponibilizará ar comprimido, vácuo e o oxigênio para a UPA de Cruzeiro do Sul. Foto: Marcos Santos/Secom.

Nesta quarta-feira, 10, uma equipe regional da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) visitou as instalações da unidade para acompanhar os serviços que vêm sendo realizados.

“O governo do Estado tem se preocupado muito com o cenário atual e está providenciando a instalação da rede de gases aqui na UPA. Neste momento, a obra recebe as tubulações e irá melhor estruturar a unidade”, explica Diani Carvalho, assessora executiva da Sesacre no Juruá.

Na unidade Jaques Pereira Braga, os gases serão instalados nas salas de emergência, além de nebulização, raio x, observação masculina e feminina, pediátrica e dois isolamentos.

Os gases serão instalados nas salas de emergência, nebulização, raio x, observação masculina e feminina, pediátrica e dois isolamentos. Foto: Marcos Santos/Secom.

“A gente está vendo a forma eficaz de que o governo e sua equipe vêm enfrentando os problemas de saúde na região. A UPA está se reestruturando e isso é um ganho para a nossa população. Com esse investimento, ficaremos na retaguarda caso o nosso Hospital de Campanha do Juruá entre em colapso por conta do número de internações.  Em breve, estaremos com a unidade prontinha para receber pacientes em tratamento de Covid-19”, explicou o gerente-geral da unidade, Macson Rosas.

Os trabalhos estão em fase de conclusão e, após o término, a unidade dará suporte ao Hospital de Campanha do Juruá para tratar pacientes acometidos pela Covid-19. Foto: Marcos Santos/Secom

Em fevereiro deste ano, o secretário estadual de Infraestrutura, Ítalo Medeiros, fez uma visita técnica para avaliar a implantação de uma usina de gases medicinais no local. Agora, na fase de conclusão, os gases ar comprimido, vácuo e oxigênio estarão disponíveis para o tratamento de acometidos pelo coronavírus.

Além desse investimento, o governador Cameli também injetou mais de R$ 2 milhões na reforma e ampliação do Hospital Dr. Abel Pinheiro, em Mâncio Lima. Com a obra concluída, mais de 50 mil juruaenses serão contemplados com a ampliação da capacidade de atendimento da rede hospitalar da região.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas