Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Em Rio Branco, órgãos se unem em força-tarefa de combate às queimadas urbanas

_________________Publicidade_________________

Pelos menos cinco órgãos se uniram em uma força-tarefa de combate às queimadas urbanas em Rio Branco. As ações ocorreram entre sexta-feira (20) e sábado (21), e duas grandes queimadas foram acompanhadas neste período, segundo dados da Defesa Civil municipal de Rio Branco. Ações devem continuar nos próximos dias.

A força-tarefa tem como objetivo coibir a prática de queimadas urbanas, identificar, fazer medição de área onde está queimando, identificar os possíveis danos, se ameaçou imóveis, quando vão em local que já queimou. E se for em pontos que ainda estão queimando, identificar possíveis autores e dar uma resposta. Trabalho também é educativo.

“Foram dois dias de operação, paramos hoje, mas vamos continuar as operações. Na realidade é uma força-tarefa com diversos órgãos juntos para que a gente coíba essa prática de queimadas. É isso que a gente quer fazer para minimizar os danos”, disse o coordenador da Defesa Civil Municipal, major Claudio Falcão.

Estão juntos na ação: Defesa Civil municipal, Corpo de Bombeiros do Acre (CBM-AC), Ministério Público Estadual (MP-AC), Secretaria de Estado do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas (Semapi), Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semeia) – que é quem aplica as penalidades, se for o caso e também a parte de educação, que a Defesa Civil também faz.

Ainda de acordo com os dados parciais, o major disse que estãoo fogo registrado no projeto Catar, na sexta-feira (20) e outro no loteamento Ilha Bela, no Apolônio Sales, no sábado (21).

“Então, estamos com estas duas ocorrências grandes e atuamos juntos, os órgãos ambientais fazendo medição de áreas, fazendo o levantamento de todos os prejuízos porque destas duas, a gente consegue fazer uma amplitude das demais que não atuamos juntos. E as menores a gente vai registrando separadamente e depois junta em reunião que é pra depois fazer as diretrizes”, acrescentou.

Além das ações conjuntas, isoladamente, a Defesa Civil acompanhou outros três incêndios, segundo informou Falcão.

Via-G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas