12 de agosto de 2022   |   01:37  |  

booked.net

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Em Cruzeiro do Sul, moradores do bairro Miritizal cobram pavimentação de ruas

Entre as reivindicações, há a cobrança de pavimentação da Av. Rio Juruá, assim como de outras ruas.

_________________Publicidade_________________

Redação Juruá Online

Nesta terça-feira (31), por volta das 06h00 da manhã, moradores do bairro Miritizal, Segundo Distrito de Cruzeiro do Sul bloquearam a entrada da prefeitura. Entre as reivindicações, há a cobrança de pavimentação da Av. Rio Juruá, assim como de outras ruas que, segundo os próprios moradores foi prometida pelo prefeito no primeiro ano de gestão.

Arquivo: Juruá Notícias

Um morador, Edvaldo Lebre, afirmou que buscaram uma solução junto à prefeitura, no entanto, nunca obtiveram resposta.

Edvaldo Lebre, morador/Arquivo: Juruá Notícias

“Então hoje resolvemos fazer esta manifestação, devido melhorias, o asfalto, que a gente precisa muito”, disse o morador.

Lourenço de Jesus, presidente do bairro, também esteve presente, como representante, explicando a razão da manifestação.

Lourenço de Jesus, presidente do bairro/Arquivo: Juruá Notícias

“Tenho em mãos diversos documentos (…) o primeiro documento com 600 assinaturas populares, solicitando do prefeito uma conversa (…). Logo depois fiz um requerimento, solicitando que o prefeito visitasse as ruas do Miritizal no inverno, pra ver a real situação. Não fui atendido. Duas semanas depois, fiz uma carta, informando ao prefeito que a gente iria fazer essa manifestação, uma última opção, pra ver se chamava a gente pra conversar. (…) Nós queríamos uma reunião do prefeito com os membros de associação de moradores, pra dizer qual o planejamento da gestão para o Miritizal. Infelizmente o prefeito Zequinha não recebe ninguém. Nós estamos cobrando uma promessa que ele fez que se ganhasse a eleição, iria asfaltar o Miritizal”, declarou o presidente.

O prefeito de Cruzeiro do Sul, Zequinha Lima, declarou em entrevista, que em nenhum momento fechou as portas para um diálogo, sempre buscou negociar.

Zequinha Lima, prefeito/Arquivo: Juruá Online

“(…) Nós temos inclusive, uma secretária de articulação política que trata exclusivamente com movimento social, movimento sindical, com todo e qualquer movimento e instituições de forma geral. Em nenhum momento nós fechamos as portas(…). Agora, a gente também tem um limite de orçamento financeiro. Não podemos achar que de uma hora para outra a prefeitura vá resolver o problema de asfaltamento nas ruas de Cruzeiro do Sul. É humanamente impossível. Nós temos uma meta na nossa gestão, que é asfaltar pelo menos quatro (4) quilômetros de pedaços de ruas na nossa cidade, a cada ano. Ano passado cumprimos essa meta. Este ano temos alguns recursos, não sei se vamos cumprir. (…) Semana passada estive reunido com todas as associações de moradores, passei 3h: 30 no gabinete ouvindo as reivindicações, para que a gente possa buscar alternativas de melhorias”, declarou o prefeito.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

LEIA MAIS