Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

É Fake o vídeo que circula no município de Guajará-AM e região sobre a suposta morte de um Lobisomem

_________________Publicidade_________________

O vídeo da suposta morte de um Lobisomem viralizou no Juruá no começo desta semana. As imagens de um Lobisomem morto e ensanguentado e que estaria em um sítio no município de Guajará, assustaram muitas pessoas.

Na verdade o vídeo não é verdadeiro e já circula em diversos municípios brasileiros. Portanto, munícipes de Guajará e região, fiquem tranquilos que a notícia foi desmentida e incluída em uma das muitas Fake News, na edição do site G1 do dia 11.06.21.

Confira a matéria na integra!

Circula nas redes sociais um vídeo que mostra uma criatura que lembra a figura lendária de um lobisomem toda ensanguentada. Legendas e áudios diversos que acompanham as imagens citam cidades pelo Brasil e afirmam que o bicho foi morto na localidade. É #FAKE. O vídeo não mostra um lobisomem – figura do folclore popular – que acabou de ser morto no Brasil. Na verdade, a imagem mostra uma escultura (ou um molde de monstro) feita pelo artista norte-americano Joseph-Rob Cobasky, que se apresenta nas redes sociais como entusiasta dessa modalidade. No perfil dele no Instagram há várias imagens parecidas. Sob o vídeo original, que foi copiado e que tem viralizado, há milhares de comentários. Em um deles, em reposta a um seguidor que afirma que o vídeo tem causado muito barulho no Brasil, ele afirma que tem ouvido falar a respeito. “Alguém roubou o vídeo e fez uma alegação falsa”, diz. Os falsos relatos sobre a criatura são cheios de detalhes e encenações. “Olha aí, parece que pegaram esse bicho aí em Santana do Mato, viu? Mataram a pau. A polícia e os moradores foram lá e estão tudo assombrados. O povo de Santana do Mato não está nem saindo para fora mais”, diz um homem, em um áudio. Ofegante, outro homem relata: “Lá na Serra da Onça, nós vimos um barulho. Quando foi, foi em cima. Aí, corremos, atiramos e ainda acertamos uns tiros”. Um terceiro diz: “Os cachorros ainda pegaram ele. Voaram em cima dele. Mas se eu não tivesse armado, ele tinha me matado. Ó o tamanho das unhas do bicho. Olha aqui o desmantelo. Matei agora de noite aqui em Acari.” Histórias criativas, porém totalmente fantasiosas. Nenhum lobisomem deu as caras, vivo ou morto, no Brasil, apesar de muita gente ter acreditado.

Fonte G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas