Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Diminuição de casos e óbitos por Covid-19 está atrelada à vacinação

_________________Publicidade_________________

Acre está há dez dias sem registrar óbitos por Covid-19

Após levantamento de dados e análise do cenário epidemiológico da Covid-19 no estado, a Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), por meio do Programa Nacional de Imunização (PNI), verificou que a diminuição dos casos e óbitos pela infecção ocasionada pelo coronavírus se dá em razão da campanha de vacinação.

Desde as primeiras aplicações, levando em conta o período que o corpo leva para assimilar o imunizante, que é de cerca de 15 dias, fica evidente que a intervenção vacinal cumpre seu propósito na redução de casos, bem como o número de mortes que,  nesta sexta-feira, 5, completa 10 dias sem registro de óbitos pela doença.

A ampliação da vacinação permitiu reduzir significativamente o número de ocorrências. Durante o ano de 2020, época que ainda não se tinha a imunização o número de casos confirmados imperou livre, e, a partir da implantação da vacina, que ocorreu na 3ª Semana Epidemiológica de 2021, em 17 de janeiro, pode-se observar a primeira tendência de queda, seguida por queda permanente quando foi iniciada a aplicação da segunda dose.

“Certamente os dados apresentados anteriormente retratam indícios bem fortes de que a vacinação está fazendo exatamente o que era esperado: diminuísse, em especial, o número de casos confirmados e óbitos entre os grupos imunizados”, observou a chefe do PNI no Acre, Renata Quiles. 

Desde o início da campanha, já foram aplicadas  549.035 primeiras doses, e 347.801 pessoas foram vacinadas com a segunda dose. Para a secretária de Estado de Saúde, Paula Mariano “muito já se avançou em relação à imunização do nosso estado, mas ainda precisamos que a população siga firme nessa luta contra a doença. Que procure os postos e complete o ciclo vacinal com duas doses do imunizante”.

Nesta quinta-feira, 4, o Acre recebeu mais 18.720 mil doses do imunizante produzido pela farmacêutica Pfizer, e continua recebendo doses de vacinas do Ministério da Saúde com intervalo de uma semana, dando continuidade ao processo de imunização dos acreanos. Cerca de 132.851 pessoas não receberam a primeira dose da vacina e 332.631 pessoas não procuraram os postos para receber a segunda dose.

Por SECOM

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas