Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Desaparecida há 3 anos, princesa Latifa é vista em suposta foto no Instagram

Circula nas redes sociais uma foto em que a princesa de Debai, Latifa bint Mohammed Al Maktoum, desaparecida há 3 anos, é vista em público com amigas

_________________Publicidade_________________

Uma imagem que parece mostrar a princesa Latifa, que está “desaparecida” e é herdeira do trono dos governantes de Dubai, foi postada em uma conta de mídia social.

Se legítima, a foto significaria a primeira vez que a princesa Latifa bint Mohammed Al Maktoum foi vista em público, desde que afirmou em mensagens de vídeo obtidas pela BBC e compartilhadas com a CNN que estava sendo mantida como refém por seu pai nos Emirados Árabes Unidos.

O xeque Mohammed bin Rashid al Maktoum negou sistematicamente essas alegações.

A imagem, carregada no Instagram há dois dias, parece ter sido tirada no Mall of the Emirates, em Dubai.

CNN não conseguiu verificar de forma independente a autenticidade da imagem. A foto foi postada em uma conta inicialmente pública de uma pessoa com uma única postagem que mudou para privada.

A imagem mostra três mulheres no que parece ser o Mall of the Emirates com um anúncio da VOX Cinemas atrás delas para o filme “Demon Slayer: Mugen Train”, com a informação de que estreia no dia 13 de maio.

David Haigh, cofundador da campanha Latifa Livre e Detida Internacional, disse: “Confirmamos que houve vários desenvolvimentos potencialmente significativos e positivos na campanha. Não temos a intenção de comentar mais nesta fase, uma declaração adicional será emitidoa no momento apropriado”.

Especialistas em direitos humanos da ONU exigiram em abril que o governo dos Emirados Árabes Unidos fornecesse “informações significativas” sobre as circunstâncias da princesa Latifa.

via-CNN

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas