Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Delegado diz que Pico foi contratado por R$ 70 mil para matar jovem

_________________Publicidade_________________

Preso na manhã desta terça-feira, 28, pela Polícia de Mâncio Lima, Gleisson Nascimento, vulgo Pico, de 26 anos, está sendo interrogado pelo delegado José Obetânio. Até o momento as investigações apontam que o homem foi contratado pelo valor R$ 70 mil para sequestrar e matar a jovem Genagila Nascimento, 26 anos. Para concluir o trabalho, o criminoso contou com a ajuda de outras duas pessoas. Em poder do criminoso também foi apreendida a motocicleta de propriedade da vítima.

Consoante a dinâmica do crime, ao ser contratado para matar a vítima, Pico teria contado com a ajuda de dois homens, que foram na sexta-feira, 17, em um carro modelo Gol, sem placa, até a praça do Bradesco, em Cruzeiro do Sul.

No local, Pico teria dito a mulher que o presidiário “bebezão”, namorado da vítima teria dito para entregar R$ 5 mil a ela, mas que o dinheiro estava na cidade de Mâncio Lima. Desta forma, Pico se dirigiu junto com a vítima para Mâncio Lima, sendo acompanhados pelos dois homens, que queriam ter a certeza se a jovem seria morta.

A investigação aponta que “bebezão” suspeitava que a vítima estaria lhe traindo, sendo este o motivo do crime. Além da prisão de Gleison Nascimento, o delegado José Obetânio já representou também pela prisão preventiva de outro suspeito.

Via-Mâncio Lima em foco

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas