Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Crianças estão morrendo de fome no Afeganistão

Agência internacional informa que pelo menos 17 jovens já perderam a vida e cerca de 300 foram hospitalizados para tratar de desnutrição. ONU alerta que até fim do ano 3,3 milhões de afegãos correm risco de 'desnutrição grave'.

_________________Publicidade_________________

Crianças e adolescentes estão morrendo de fome no Afeganistão, afirmaram fontes locais e internacionais neste sábado (2), após o alerta da ONU nas últimas semanas de que 3,3 milhões de afegãos podem sofrer de desnutrição grave até o final do ano.

Ao menos 17 menores de idade morreram, algumas delas depois de hospitalizadas, de fome nos últimos seis meses na província de Ghor (centro), uma das mais afetadas, informou à AFP o mulá Mohamad Amadi, diretor dos hospitais da região. Cerca de 300 jovens receberam tratamento médico para desnutrição.

Salam al Janabi, porta-voz da UNICEF, disse não poder confirmar o número de crianças mortas em Ghor, mas que “muitas delas estão pagando o preço final”.

“Tememos estar à beira do abismo”, disse o representante da UNICEF.

A ONU já havia alertado que até o final do ano um milhão de crianças, com menos de 5 anos, poderiam sofrer “desnutrição muito grave” e precisar de tratamento médico para sobreviver.

Após o retorno ao poder do Talibã em meados de agosto, a crise humanitária no Afeganistão ficou ainda mais grave.

A situação é provocada pelas secas, os preços elevados dos alimentos e as perdas de postos de trabalho que a ajuda internacional não consegue compensar.

Por France Press

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas