Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Comércio e Indústria de Cruzeiro do Sul querem funcionar no sábado de Aleluia e pedem fim do decreto no dia 10 de abril

_________________Publicidade_________________

Pelo decreto estadual vigente, por conta da pandemia da Covid-19, o comércio local, através de suas lojas, supermercados e também o setor da indústria devem ficar fechados nos feriados e finais de semana.

Com isso, esses estabelecimentos só vão poder nesta semana, ficar abertos até quinta-feira, dia 01 de abril.

Para os comerciantes, esses serão dias com tendência de aglomeração, devido o feriado da Semana Santa, especialmente por conta do feriado de sexta-feira, dia 02.

Diante disso a Associação Comercial de Cruzeiro do Sul e a representação da FIEAC (Federação das Indústrias do Acre) reuniu parte de seus associados para discutir o assunto.

Da reunião, foi elaborado um documento em nome do empresariado local ao Governo do Acre e ao Comitê Covid, pedindo que no sábado de Aleluia, haja funcionamento normal dos estabelecimentos comerciais da cidade, com as devidas regras sanitárias, como revelou Luiz Cunha, presidente da Associação Comercial de Cruzeiro do Sul. “A nossa idéia para esse final de semana, sábado de Aleluia, que é um dia tradicional de festejo, de alegria na nossa cultura, a gente solicita, como sexta- feira é um dia santo de guarda, que cumpramos o dia de isolamento. Mas que possamos abrir o comércio no sábado, 03. Quanto à semana seguinte, especialmente no final do decreto, dia 10 de abril, que o comércio volte a funcionar, em função da análise dos nossos números de Covid-19, que caíram bastante.

Janaína Terças, coordenadora da FIEAC no Juruá, entende que a população tem colaborado com o decreto estadual. ” Cruzeiro do Sul está de parabéns, pois os índices de contaminação e contágio da população caíram muito. E em contrapartida, o comércio, a indústria e os serviços que são prestados no município estão impedidos de trabalhar nos finais de semana e feriados. A nossa proposta é que Cruzeiro do Sul seja retirado dessa regional e seja tratado de uma forma individual. E que à partir do dia 10 de abril, seja suspenso o decreto que impede que haja trabalho aos sábados e domingos”, concluiu.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas