Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Cheia do Juruá causa prejuízo na lavoura em mais de 17 milhões de reais

A Secretaria Municipal de Agricultura fez um levantamento dos prejuízos que foram causados aos produtores rurais de Cruzeiro do Sul, com a alagação que aconteceu no mês de fevereiro, onde mais de cinco mil famílias rurais tiveram perdas de produtos e animais.

A Secretaria Municipal de Agricultura fez um levantamento dos prejuízos que foram causados aos produtores rurais de Cruzeiro do Sul, com a alagação que aconteceu no mês de fevereiro, onde mais de cinco mil famílias rurais tiveram perdas de produtos e animais.

A cheia que ainda permanece nos dias de hoje, destruiu plantações de roças, banana, milho, cana- de- açúcar, além de vários plantios de hortaliças.

Os criadores de pequenos rebanhos bovinos e suínos também tiveram perdas tanto com os animais que foram mortos ou o pasto coberto pela água.

Diante dos prejuízos que segundo o secretário de agricultura e pesca, Elenildo Nascimento, ultrapassa os 17 milhões de reais e agora o município busca formas de poder ajudar esses produtores a recuperar ao menos parte do que foi perdido.
“Cruzeiro do Sul tem intensificado as suas ações principalmente em assistência técnica. Quanto a mecanização, tivemos que antecipar em algumas áreas.”

Outro setor que teve bastante prejuízo com a enchente foi a piscicultura que segundo o secretário, está buscando parcerias para tentar ajudar os piscicultores da cidade. “A piscicultura teve um prejuízo enorme, inclusive, quero aqui agradecer ao professor Elano , professor do IFAC. Estamos conversando para um acordo de cooperação técnica.”

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas