Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Casal usa cachorro como ‘disfarce’ para esconder bolsa com pistola de mira laser e munição de fuzil; homem e mulher foram presos

Suspeitos não tinham passagens, mas foram detidos após abordagem da PM, na noite de segunda (13). Eles estavam num carro roubado na Zona Sul de SP. Dentro da bolsa também foram encontrados dólares, reais, joias e celulares. Dupla irá responder por porte ilegal de arma.

_________________Publicidade_________________

A Polícia Militar (PM) prendeu em flagrante um casal que usou um cachorro como ‘disfarce’ para tentar esconder uma bolsa onde estavam uma pistola com mira laser, munição para fuzil, US$ 1 mil (aproximadamente mais R$ 5.200), R$ 4 mil, joias, nove celulares.

Os donos do animal, da raça yorkshire, foram detidos na noite de segunda-feira (13) e deverão responder pelo crime de porte ilegal de arma. O homem e a mulher foram abordados pela PM na Avenida dos Bandeirantes, em Moema, na Zona Sul de São Paulo. Eles estavam dentro de um carro roubado, que chamou a atenção dos agentes.

O motorista saiu do veículo, mas como a mulher, que estava no banco do carona, não deixou o automóvel. Ela estava sentada, com o cachorro no colo, tentando despistar os agentes. Embaixo do animal, a mulher havia escondido a bolsa onde guardava o armamento de uso restrito das forças de segurança, além dos outros objetos e dinheiro de origem desconhecida.

Segundo a PM, casal usou cachorro para despistar agentes e tentar esconder bolsa com arma, munição, dinheiro, joias e celulares em São Paulo — Foto: Reprodução/TV Globo

Segundo a PM, casal usou cachorro para despistar agentes e tentar esconder bolsa com arma, munição, dinheiro, joias e celulares em São Paulo — Foto: Reprodução/TV Globo

“A todo momento ela [a mulher] estava com o cachorrinho no colo e segurando a bolsa. Para não causar nenhuma desconfiança e mostrar até um jeito dócil”, disse o tenente Vinícius Artilha, da PM. “Dentro dessa sacola: esse arsenal, que conta com uma pistola. E diversos acessórios proibidos no Brasil, como a mira a laser, dispositivo que faz ela [a arma] dar rajada [como uma metralhadora]”.

O homem, a mulher e o yorkshire foram levados pelos policiais militares para o 27º Distrito Policial (DP), no Campo Belo. Até a última atualização desta reportagem o casal permanecia detido na delegacia. Seus nomes não foram divulgados pelas autoridades.

De acordo com os policiais, eles não tinham passagens criminais anteriores. Ainda segundo a polícia, o casal confessou que pegou o material apreendido em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista.

Motorista foi preso após ser abordado pela PM em São Paulo. Ele dirigia carro roubado, onde estava uma mulher e um cachorro. Animal era usado para esconder bolsa com arma e munição ilegais. — Foto: Reprodução/TV Globo

Motorista foi preso após ser abordado pela PM em São Paulo. Ele dirigia carro roubado, onde estava uma mulher e um cachorro. Animal era usado para esconder bolsa com arma e munição ilegais. — Foto: Reprodução/TV Globo

Os agentes disseram que a dupla falou que venderia os celulares pela internet. Mas não falaram sobre o que pretendiam fazer com a arma e a munição. A Polícia Civil também investiga a origem do dinheiro apreendido com eles.

Já o cachorro do casal acabou entregue aos seus parentes.

Por G1

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas