Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram

Carreta Ambiental realiza atendimentos em Plácido de Castro e segue para o Alto Acre

_________________Publicidade_________________

Foi dada a largada para mais um mutirão de atendimento itinerante do governo do Acre. Os primeiros atendimentos da Carreta Ambiental aconteceram em Plácido de Castro, de sexta-feira, 8 à domingo, 10 e agora o projeto segue para Assis Brasil, de 14 à 16 de outubro. O Governo do Estado se propôs a ir às comunidades rurais, vilarejos, Unidades de Conservação (UCs) com toda a infraestrutura para facilitar a vida das pessoas.

“O nosso trabalho sempre foi voltado para ofertar um atendimento de qualidade ao produtor rural. Aproximando cada vez mais o homem do campo do sistema de meio ambiente de forma descomplicada para que tenham acesso aos serviços e possam investir na produção”, disso o secretário de Estado do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas, Israel Milani.

A iniciativa conta com esforços de todos os órgãos ambientais do governo em parceria com as prefeituras para levar até os produtores os atendimentos àqueles que precisam de forma rápida e eficiente, unindo ainda ações de educação ambiental e lazer a toda comunidade.

Será oportunizado ainda capacitação a 110 gestores do setor público e terceiro setor Foto: Jack Ramirez/Imac

A contratação para execução do Projeto Carreta Ambiental contou com a destinação de emenda parlamentar da deputada federal Vanda Milani, no valor de R$ 1,5 milhão. O projeto irá percorrer os municípios do Acre por um período de cinco meses.

“Nosso estado há muitos anos conta o projeto itinerante da saúde, e percebemos que havia a necessidade de atendermos a população rural com uma inciativa mais ampla também. Desde o início da gestão de nosso governador Gladson Cameli a orientação é de que desburocratizasse o acesso aos serviços e para atender a grande demanda. Foram realizados mutirões e, foi daí que nasceu o Projeto da Carreta Ambiental, que irá oferecer a oportunidade de legalizarem a documentação de suas terras para que possam acessar crédito junto aos bancos e impulsionar a produção”, lembrou a deputada federal Vanda Milani.

Prefeito de Plácido, Camilo Silva, diz que ação itinerante da Carreta Ambiental aproxima poder público do produtor rural Foto: Jacky Ramirez/Imac

“Quero agradecer, especialmente ao governador Gladson Cameli, a deputada Vanda, ao secretário Israel Milani porque essa carreta representa um sonho pra nós, que é aproximar o Estado do produtor rural. Antes o produtor rural tinha medo de buscar atendimento, agora com a carreta não, ela vem pra perto do produtor exatamente pra quebrar esse protocolo. Essa iniciativa significa pra nós ter o Estado perto do produtor, apoiar a produção e ajudar a resolver os problemas que os nossos produtores rurais enfrentam para resolver questões de licenciamento e outros serviços que são essenciais para o acesso ao crédito rural. Aqui eles tem acesso a uma série de serviços do Governo Federal e Estadual quebrando todo aquele protocolo e aproximando o produtor rural do poder público”, destaca o prefeito de Plácido de Castro, Camilo da Silva.

Produtora rural, Mirna Ventura, disse que ação facilitou a vida de quem precisa dos serviços. Foto: Jacky Ramirez/Imac

A produtora rural, Mirna Ventura, comentou sobre a chegada do projeto em Plácido de Castro. “A gente é só alegria com a chegada da carreta ambiental. Antigamente nós não via isso aqui. Nós tinha que se deslocar, andar a pé e hoje nós temos uma oportunidade muito boa porque nosso governador e nosso prefeito está apostando na agricultura”.

Produtor rural, Luciano Jerônimo Nascimento, disse que serviços facilitam o acesso ao crédito. Foto: Jacky Ramirez/Imac

Luciano Jerônimo Nascimento, que também é produtor rural da região de Plácido de Castro, disse que “é muito importante uma carreta dessa no município, porque a gente não precisa se deslocar daqui pra Rio Branco e deixar nosso trabalho. A gente vai poder aqui mesmo arrumar os documento para gente ter financiamento. Isso é muito importante. Isso é um excelente trabalho do Governo do Estado e da deputada doutora Vanda”.

Ação Itinerante leva atendimento aos produtores de forma rápida e eficiente. Foto: Jack Ramirez/Imac

A ação itinerante tem a meta de levar serviços ambientais para 10 mil produtores. Além dos atendimentos, será oportunizado capacitação a 110 gestores do setor público nos municípios para que estejam aptos a dar continuidade aos atendimentos aos produtores do interior. Além dos atendimentos na área de regularização ambiental e ações de educação ambiental, a comunidade conta com uma programação cultural e de lazer para os produtores rurais e suas famílias.

A Carreta Ambiental é uma iniciativa do governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e das Políticas Indígenas (Semapi). As ações serão desenvolvidas com parceiros do Estado, Governo Federal, Prefeituras do Acre e terceiro setor.

Fique por dentro dos atendimentos ofertas na Carreta Ambiental

– Mutirões Ambientais com atendimentos voltados ao produtor rural.

– Capacitações, Palestras e Oficinas.

– Atendimentos em Regularização Ambiental e Fundiária.

– Apresentações culturais.

– Estúdio de Gravação.

– Roda de conversas

– Cinema.

– Oportunidades para a Economia Solidária.

Quais serviços posso encontrar na Carreta Ambiental?

– Semapi: Capacitações dos Gestores, Palestras e Oficinas em Educação Ambiental.
– Escritório do CAR/PRA da Semapi: Apoio a inscrições de imóveis rurais no Cadastro Ambiental Rural (CAR) e adesão ao Programa de Regularização Ambiental (PRA), com solicitação de análise prioritária.
– Instituto de Terras do Acre (Iteracre): Ações de regularização fundiária, como cadastramento de lotes em gleba estaduais, apoio jurídico referente a regularização fundiária, orientação sobre regularização dos polos agroflorestais, emissão de mapas e memoriais, cadastramento através do Sistema Nacional de Cadastro – SNCR.
– Sepa/Emater: Ações de Assistência Técnica Rural (Ater), a exemplo de emissão e desbloqueio da Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (DAP) e orientações sobre crédito e produção rural.
– Imac: Tudo referente ao licenciamento ambiental: outorgas, apoio jurídico, informações e consultas sobre autos de infração, licenciamento de passeriformes, dispensas de licenciamento, checklist dos licenciamentos e entrega de licenças.
– Incra: Informações e serviços sobre regularização fundiária.
– Fundação Elias Mansur (FEM)
– Participação de parceiros institucionais do governo do Acre

Por SECOM

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on telegram
Redação Juruá Online

Redação Juruá Online

Notícias Relacionadas